Copa: 5 razões para acreditar que uma zebra será campeã

Copa
Getty Images

A Copa 2014 tem apresentado resultados surpreendentes e jogado os bolões de muita gente na lata do lixo.

Por conta disso, não é difícil apontar uma série de razões pelas quais uma seleção fora do grupo das consideradas favoritas, as famosas zebras, tenha condições de ser campeã da competição.

DESTAQUE
Veja como sensualizar ao colar figurinhas da Copa

As primeiras seleções que aparecem como possíveis zebras campeãs são a Costa Rica, o Chile e a Colômbia, e o Torcedores.com apresenta a seguir 10 razões para acreditar que uma delas tenha potencial para erguer o troféu pela primeira vez em 2014.

FUTEBOL CONVINCENTE: Costa Rica, Chile e Colômbia entraram na Copa como franco-atiradores, mas chegam ao fim da segunda rodada com 100% de aproveitamento e, mais importante, com um futebol. convincente, ao contrário da Argentina, que também tem seis pontos, mas não convenceu ninguém contra Bósnia e Irã.

POUCA PRESSÃO: Chegar para a rodada final classificadas e com a chance de liderar o grupo nos quais teoricamente eram as mais fracas, tira qualquer pressão do trio, que tem tudo para avançar sem cobrança às fases decisivas

FAVORITAS EM BAIXA: Se a maré está boa para as zebras, claramente não está das melhores para as favoritas. Espanha e Inglaterra já arrumaram as malas, e a primeira fase terminará com mais uma campeã mundial (pelo menos) fora: Itália ou Uruguai. Motivo extra para confiar na zebra.

SEM MEDO DA MORTE: A Costa Rica caiu no mesmo grupo de Itália, Uruguai e Inglaterra e, até agora, já despachou dois integrantes do grupo da morte. O Chile fez o mesmo, e já bateu na Espanha, mandando os campeões mundiais para casa. Morte? Rio de ti.

ANFITRIÃO CAMBALEANTE: Principal favorito ao título, o Brasil vem jogando aos trancos e barrancos, e não serpa surpresa se ficar pelo caminho bem antes da final. Sem o anfitrião fora, a torcida local logicamente penderá para uma zebra contra um favorito, fechando o ciclo de cinco motivos para um time surpreender e levar a taça.

 

 



Apaixonado por futebol e esportes em geral.