Copa: Brasil e Argentina só podem se enfrentar na final

Getty Images

A vitória da Argentina sobre a Nigéria por 3 a 2 nesta quarta-feira, em Porto Alegre, colocou o time de Messi e cia do lado oposto do Brasil na chave eliminatória da Copa. Ou seja: Brasil e Argentina só podem se enfrentar na final.

A Argentina, ao lado da Colômbia, foi a única equipe da Copa que se classificou para as oitavas de final com 100% de aproveitamento. Os argentinos fecharam a primeira fase do grupo F com nove pontos, seguidos pela Nigéria com quatro pontos e a Bósnia com três. O Irã terminou em último com apenas um ponto conquistado em três jogos.

O Brasil do técnico Luiz Felipe Scolari terminou na liderança do grupo A da Copa com sete pontos: vitórias contra Croácia e Camarões, além do empate contra o México. Os brasileiros foram seguidos pelos mexicanos, com sete pontos (perdendo no saldo de gols), croatas (três pontos) e camaronenses, com nenhum ponto conquistado.

Brasil e Argentina empataram na primeira fase no quesito “artilharia da Copa”. Pelo menos até o momento. Companheiros de ataque no Barcelona, Neymar e Messi marcaram quatro gols cada na primeira fase do Mundial.

Mas Messi tem algo que o diferencia de Neymar nesta Copa: ele foi o segundo jogador a marcar em todos os jogos que disputou até aqui – igualando o colombiano James Rodriguez.



Jornalista de esportes desde 2005, com passagem pelo UOL e Terra. Editor de comunidades do Torcedores.com e blogueiro do renanprates.com