Deu gosto de ver Fórmula 1 no Canadá, e pena do Massa

massa

Fazia tempo que eu não via uma etapa da Fórmula 1 com tanta atenção como essa do GP do Canadá no último domingo. Eu fiquei vidrado nas voltas finais. E fiquei com pena do Massa.

Foi o GP mais emocionante de se ver da temporada. Seguramente. Com várias alternâncias de posição e um final inimaginável. Com um vencedor novato mais do que merecido, Daniel Ricciardo. E com mais uma prova de que Felipe Massa é muito azarado.

Massa talvez tenha feito a sua melhor corrida na temporada. Se não tivesse o problema nos boxes da Williams, poderia brigar pela liderança, certamente. Aí veio a batida com Sérgio Perez…

LEIA MAIS:
Massa bate e garante primeira vitória de Ricciardo no GP Canadá

Massa errou? Acho que sim. Mas Perez errou mais e foi corretamente punido com a perda de cinco posições. Massa errou mais por ter demorado a passar Vettel. Quando Vettel ultrapassou Perez, no final da corrida, o brasileiro viu ali a oportunidade única de ganhar mais uma posição, pois o mexicano tinha problemas com o freio. Daí, aconteceu o que todos sabem: a porta foi fechada, os dois bateram, e por muito pouco Vettel não se dá mal e sai da prova também.

Deu pena do Massa. Ele não merecia esse final de prova por tudo que fez nela. Se existe algo de positivo no acidente com Perez, foi a atitude do brasileiro. Ele bateu se arriscando, tentando passar. Talvez tenha sido imprudente. Mas tentou. E é esse o tipo de personalidade de um piloto campeão.

Mas foi bacana ver um GP tão disputado, principalmente no fim. E um final nada previsível, principalmente numa temporada que as Mercedes estão tão dominantes. A Fórmula 1 só tem a ganhar com isso.

Crédito da foto: Getty Images



Jornalista de esportes desde 2005, com passagem pelo UOL e Terra. Editor de comunidades do Torcedores.com e blogueiro do renanprates.com