Fisioterapeuta “Mão Santa” é responsável por volta de Suárez

Getty Images

No dia 22 de maio de 2014, Luis Suárez foi submetido a uma artroscopia no joelho e era tido com um dos muitos desfalques para a Copa do Mundo. Lançado em intenso processo de recuperação pelo fisioterapeuta Water Ferreira, Luisito deu a volta por cima neste dia 19 de junho, na Arena Itaquera, e com dois gols foi o herói do Uruguai contra o Inglaterra.

Na época, o médico do Uruguai, Alberto Poan, não quis estabelecer uma data para a volta do craque, mas disse que o quadro pós-operatório era muito bom: “Ficamos muito esperançosos por ver que ele teve um pós-operatório muito bom e que neste momento está otimista, com vontade de seguir melhorando. Luis é um atleta com uma constituição excepcional, que se recuperou de lesões de forma muito rápida”.

LEIA MAIS:
Suarez vai de quase fora da Copa a decisivo para o Uruguai
Rooney marca na Copa e Galvão comemora: “acabou a maldição”
Álvaro Pereira leva joelhada, perde sentidos, mas se recusa a sair

Mas o “Mão Santa” não quis saber disso e com um bom currículo por já ter recuperado nomes como os de Diego Forlán, Rubén Sosa e Paolo Montero, focou suas atenções para L. Suárez.

O resultado todos pudemos acompanhar na partida contra o English Team. A alegria foi tanta que Luis abraçou o fisioterapeuta após marcar o primeiro gol e, ao final da partida, deu a seguinte declaração: “Evidentemente depois de tudo o que vivi, jogar contra a Inglaterra por tudo o que se falou sobre mim e o que o pessoal comentou era importante. Era com que eu sonhava, pensei nisso muitas vezes e houve essa emoção por tudo e por esse último mês em que sofri muito por conta da lesão. Com o apoio do time, da minha mulher e dos filhos, e também a grande ajuda de Walter Ferreira, sem ele não estaria aqui. Gostaria de agradecer”.

Se o Uruguai sorri hoje, deve muito as mãos santas de Walter Ferreira.