Nova safra do tênis brazuca se prepara treinando com Djokovic

O paulista Marcelo Zormann, um dos destaques da nova safra brasileira no circuito juvenil mundial, viveu um momento diferente neste domingo. Se preparando para a disputa de Roland Garros, ele treinou com Novak Djokovic, antes do confronto do sérvio com o francês Jo-Wilfried Tsonga, válido pelas oitavas de final da competição.

Número 19 do mundo e cabeça de chave 14 do torneio juvenil, Zormann encara na estreia o uzbeque Djurabeck Karimov, nesta segunda. Ele comemorou o fato de poder ter esse contato com grandes nomes do tênis mundial. “É um aprendizado muito grande e um privilégio poder estar aqui. Estou bem fisicamente e mentalmente e quero fazer um bom torneio”, afirmou o atleta, que é de Lins, interior de São Paulo, e enfrenta na segunda rodada o vencedor do confronto entre o argentino Matias Zukas e o francês Mandesy Rakotomalala.

Perto de completar 18 anos, fazendo aniversário no dia 10 de junho, Zormann foi muito bem em seu último torneio juvenil. O paulista faturou o título da Copa La Razón, na Bolívia. Ele teve bons resultados nos importantes torneios brasileiros, parou nas semifinais tanto no Banana Bowl como na Copa Gerdau, perdendo para o gaúcho Orlando Luz em ambos.

DESTAQUES
Quais são as tenistas mais lindas de todos os tempos?
Veja quem são os maiores ganhadores de Grand Slam

ORLANDINHO

Um dos três melhores juvenis do ranking internacional, ainda aos 16 anos, o gaúcho Orlando Luz ganhou a condição de cabeça 2 para o torneio de Roland Garros, que começa neste domingo. O primeiro adversário do campeão do Banana Bowl e de Porto Alegre será o eslovaco Alex Molcan. Caso mantenha seu favoritismo, Orlandinho deverá pegar o russo Daniil Medvedev, cabeça 16, na terceira rodada e o forte francês Johan Tatlot nas quartas de final.

O cabeça 1 da competição é o norte-americano Francis Tiafoe.

jojaa

O mineiro João Menezes, que tem feito boa campanha na Europa, encara o norte-americano Henrik Wiersholm, enquanto o canhoto gaúcho Rafael Matos furou o quali e terá pela frente o polonês Kamil Majchrzak, cabeça 12. Na chave feminina, o Brasil terá duas representantes, que fugiram das principais favoritas nas primeiras rodadas. Luísa Stefani pega a belga Greetje Minnen e Letícia Vidal terá pela frente a local Lucie Wargnier.

A cabeça 1 é a sérvia Ivana Jorovic e a 2 ficou com a americana Catherine Bellis. Zormann é um dos seis brasileiros em ação na chave juvenil de Roland Garros. Além dele, estão na competição Orlandinho, o mineiro João Menezes e o gaúcho Rafael Matos na chave masculina. Entre as meninas, as representantes nacionais serão Luísa Stefani e Letícia Vidal.

fotos: Getty Images e Reprodução/Facebook



Ex tenista, moro em Berlin. Professor de tenis de dia, Dj de noite