Opinião: Sonnen deveria ser presidente do UFC um dia

sonnen
Divulgação

O americano Chael Sonnen é conhecido por ser um grande falastrão. Ele fala, provoca (muitas vezes passando do ponto), cria inimizades. Uma coisa são inegáveis: o personagem Chael Sonnen vende lutas como ninguém. E o presidente do UFC, Dana White, que de bobo não tem nada, já elegeu o lutador como seu substituto na presidência da organização.

“Acho que Chael seria fantástico para isso. Mas o problema é que ele exagera demais. Muitas vezes você não entende logo de cara se as atitudes dele são reais ou não. Chael é um cara passional. Ele conhece e ama este esporte como poucos. Mas isso não seria coisa para agora. Ele está com tantas oportunidades por ora que ficaria difícil aceitar o emprego. Tudo tem seu tempo”, disse o atual chefão durante a edição do UFC realizada em Berlim no fim de maio.

Pena que o lutador, que apresenta um programa do UFC na TV americana, não deve aceitar: “Sou um soldado de Dana White. Se ele sair, eu saio também. Se um dia ele resolver ir trabalhar no mercado musical, eu vou também. Eu agradeço por ele ter lembrado de mim, mas não há possibilidade de eu substituí-lo um dia”, afirmou.

Sonnen não é mau lutador. Não é um gênio, mas seu cartel (28 vitórias, 14 derrotas e um empate) não respalda as três oportunidades de disputar cinturões dos médios (foram duas derrotas para Anderson Silva, entre 2010 e 2012) e dos meio-pesados (perdeu para Jon Jones em 2013).

Fato é que Sonnen, grande personagem, é um grande vendedor. E sabe se vender e vender suas lutas como poucos. Como dinheiro, para o pessoal do octógono, tem papel determinante para o casamento de lutas.

O americano é tudo o que o UFC gosta. Tem carisma, é bom promotor e é um frasista dos bons. Daí Dana White enxergá-lo como possível sucessor.

Anderson Silva vai além. O brasileiro sofreu com as “ofensas” do rival antes da segunda luta entre eles. Em entrevista concedida no ano passado a mim e ao camarada Wilson Dell’Isola para o jornal “Metro”, o Aranha foi categórico ao falar de Sonnen: “Ele vai ser presidente dos Estados Unidos.”

Sinceramente, não duvido.

Crédito da foto: Reprodução



Jornalista, editor do Torcedores.com. Passagens pelos jornais Metro, O Estado de S. Paulo, Jornal da Tarde, Marca Brasil, Agora São Paulo, Diário de S. Paulo e Diário do Grande ABC.