Top 5 da Copa: Os gols mais rápidos da história

copa

Para entrar na história das Copas do Mundo, não é preciso 90 minutos. Para alguns jogadores, são necessários poucos segundos para escreverem seus nomes na memória da maior competição de futebol do planeta.

Na segunda-feira (16), o meia-atacante norte-americano Clint Dempsey balançou a rede de Gana aos 29 segundos. Foi o primeiro gol da vitória de seu país por 2 a 1 sobre os africanos, em jogo válido pelo Grupo G do Mundial.

O camisa 8 e capitão dos EUA, no entanto, não foi o maior “ligeirinho” da história dos Mundiais. Confira os goleadores mais velozes das Copas do Mundo:

1º – Hakan Sukuer (11 segundos)
O atacante da Turquia não deixou as pessoas nem darem o primeiro gole na cerveja para abrir o placar diante da Coreia do Sul, na decisão do terceiro lugar na Copa do Mundo de 2002, disputada na Coreia e no Japão. Com outros dois gol de Mansiz, os turcos venceram os antriões por 3 a 2 e ficaram com um inédito terceiro lugar em Mundiais.

 

2º – Vaclav Masek (15 segundos)

O atacante da antiga Tchecoslováquia anotou o único gol de sua equipe na derrota por 3 a 1 para o México, na última rodada da fase de grupos da Copa de 1962, com só 15 segundos de jogo. O recorde durou por 40 anos, até Hakan Sukur balançar a rede com 4 segundos a menos de jogo em 2002.

 

3º – Ernest Lehner (25 segundos)

A disputa de terceiro lugar da Copa do Mundo de 1934, na Itália, foi o palco do gol relâmpago do atacante alemão Lehner, que marcou sobre a Áustria com apenas 25 segundos. Ele faria outro gol, aos 42 minutos do primeiro tempo. No fim, os germânicos venceram por 3 a 2 e ficaram com a terceira posição.

 

4º – Bryan Robson (28 segundos)

Na estreia da Inglaterra na Copa do Mundo de 1982,  o meio-campista Bryan Robson balançou a rede da França com 28 segundos de partida. O tento abriu o caminho dos britânicos para vencer os rivais de Europa por 3 a 1, na Espanha. Robson, o ligeirinho da vez, voltaria às redes aos 22 minutos do segundo tempo.

 

5º – Clint Dempsey (29 segundos)

O americano anotou o gol mais veloz da Copa do Mundo de 2014. Foram  só 29 segundos antes do primeiro tento contra a seleção de Gana, em Natal.



Jornalista, editor do Torcedores.com. Passagens pelos jornais Metro, O Estado de S. Paulo, Jornal da Tarde, Marca Brasil, Agora São Paulo, Diário de S. Paulo e Diário do Grande ABC.