Torcedores do Arsenal queimam camisas de Fabregas

fabregas
Reprodução/Jornal Marca

Após Cesc Fabregas assinar contrato com Chelsea, torcedores dos Arsenal responderam rapidamente a atitude do jogador espanhol. Torcedores do clube rival do Chelsea não aceitaram a ida dele para os Blues, pois se sentiram traídos e chegaram a queimar camisas do jogador.

LEIA MAIS:
Mercado da bola: Chelsea anuncia a contratação de Fabregas
Mercado da bola: Piqué é traído pelo áudio e ‘entrega’ venda de Fabregas

Quando sua saída do Barcelona estava sendo especulada, torcedores dos Gunners tiveram uma esperança de que o clube pudesse repatriar o ídolo, mas o próprio Fabregas afirmou que o Arsenal não o quis. “Nós todos sabemos que o Arsenal foi o primeiro a ter a opção de assinar, mas eles não exerceram essa opção. Desejo o melhor para eles no futuro”.

Fabregas chegou ao Arsenal com 16 anos, jogou entre 2003 e 2011 e além de se tornar capitão do time, é ídolo do clube de Londres.

O Barcelona anunciou a saída de Cesc e fez questão de agradecer publicamente o jogador pelos três anos de serviços prestados ao clube catalão.

Crédito da foto:: Reprodução/Jornal Marca



Jornalista. Como todo torcedor também gosto de dar meus pitacos. Fã da seleção italiana, do Milan e do Arsenal.