Arouca e Ralf: juntos somam 12 anos sem expulsão

O santista Arouca e o corintiano Ralf, juntos, possuem uma marca expressiva no futebol. Se juntar os quatro anos do volante no Corinthians mais os últimos oito anos de carreira do atleta do Santos somam 12 anos sem levarem nenhum cartão vermelho.

LEIA MAIS
Corinthians é denunciado pelo STJD e pode perder 20 mandos de campo
Veja gringos que passaram pelo seu clube e você nem lembrava

No caso do Ralf, a última vez que o jogador foi expulso, foi quando ele ainda atuava pelo Grêmio Barueri em 2009. Desde que chegou no Timão ele não levou cartão vermelho, e isso é um fato curioso, já que o camisa 5, desde 2010, nunca teve um substituto a altura e trata-se de um volante de contenção.

Pelo clube alvinegro, Ralf já disputou 286 partidas e esse ano jogou todas às partidas que o clube precisou entrar em. Com o cartão amarelo levado após o término da partida contra o Figueirense, o “Pitbull” ficará de fora, pela primeira vez, de um jogo oficial em 2014.

Já Arouca, 30 de julho de 2006. Nessa data aconteceu pela última vez a suspensão do jogador após a aplicação de um cartão vermelho, na época ele ainda jogava pelo Fluminense. Na oportunidade, o volante do Santos foi suspenso em um clássico contra o Botafogo. De lá para cá foram mais de 400 jogos e o atleta não ficou de fora de nenhuma partida por punição. Vale lembrar que Arouca ainda teve uma curta passagem pelo São Paulo antes de chegar a Vila Belmiro.

Assim como Ralf, Arouca também chama atenção já que atua em uma posição em que a propensão de faltas é grande. Em Campeonatos Brasileiros anteriores, a média é de 22 expulsões por torneios.

Na partida desta quinta-feira (25), Arouca está confirmado para enfrentar o Atlético-MG em jogo válido pela 24ª rodada do Brasileirão e será mais uma oportunidade do camisa 5 aumentar seu recorde.

Foto: Montagem/Getty Images

 



Jornalista. Como todo torcedor também gosto de dar meus pitacos. Fã da seleção italiana, do Milan e do Arsenal.