Juninho Paulista foi o melhor jogador brasileiro que atuou na Inglaterra

Osvaldo Giroldo Júnior provavelmente poucos sabem quem é. Apesar de desconhecido esse nome para o grande público, basta falar Juninho Paulista para que todos saibam quem é o atleta. Dificilmente algum torcedor, jornalista brasileiro ou mesmo inglês, não ache o jogador da seleção brasileira pentacampeã em 2002 o melhor de todos tempos no país que criou o futebol.

Leia mais:
5 razões porque o Casillas foi para o banco no Real Madrid
Di María faz gol de gênio em jogo do Manchester United; veja
Messi e Neymar são o arco e a flecha do Barcelona

Com a carreira iniciada no Ituano, em 1993, logo migrou para o ‘expressinho’ do São Paulo dos anos 90. Por lá ficou até 1995, quando se transferiu para o modesto time inglês, Middlesbrough.

Depois de continuar sucesso na Premier League, foi comprado pelo Atlético de Madrid a peso de ouro, em 1997, foram cinco temporadas. Já em 99, com a queda do time espanhol para a 2ª Divisão, foi emprestado ao seu ex-clube. No ano seguinte, voltou ao Brasil, para jogar no Vasco da Gama.

Foi quando o apelido pegou, já que o clube carioca já tinha o Juninho Pernambucano. Com o Vasco, foram dois títulos, Copa João Havelange – Campeonato Brasileiro daquele ano e uma Copa Mercosul.

Apesar dos títulos, os constantes atraso de salários, por ironia do destino acabou contratado pelo o Flamengo em 2002. Mesmo não estando no melhor momento da carreira, foi convocado para a Copa, onde se sagrou campeão mundial.

Após o título, especulou-se sua volta ao país de origem, mas optou por retornar a equipe inglesa. Foi quando participou da campanha vitoriosa da Copa da Liga Inglesa, em 2004, até hoje a maior taça conquistada pelo Boro.

Bolton Wanderers v Middlesbrough

Em 2008, o jornal inglês ‘The Sun’, realizou uma pesquisa com os torcedores da Inglaterra. Juninho Paulista foi eleito o melhor jogador brasileiro com passagem pelo futebol inglês.

No fim de 2004, com seguidas lesões, deixou o clube do Middlesbrough e se transferiu para o Celtic. Por lá pouco jogou e saiu sem deixar saudades.

O Palmeiras contratou o jogador em meados de 2005 e com uma arrancada naquele ano, conseguiu uma vaga na Libertadores da América, na qual Juninho Paulista também atuou.

Com 34 anos, passou por times como Flamengo e Sidney da Austrália, até encerrar a carreira na equipe que o revelou para o futebol, o Ituano, em partida realizada no dia 7 de abril de 2010, de forma épica. O jogo valia a permanência do time de Itu na primeira divisão do paulista e com um gol de Juninho, venceu de virada a Portuguesa por 3 x 2 e não caiu naquele ano.

Ao todo, Juninho Paulista conquistou 17 títulos, incluindo uma Copa do Mundo, além de um bronze nas Olimpíadas de 96. No total, disputou 415 partidas na carreira e marcou 84 gols.

Foto: Getty Images



Jornalista da Band - Esporte é vida. Ser um amante do futebol, é um privilégio. Editor/Repórter do programa "Os Donos da Bola" das 13h às 15h. Aos fins de semana em toda programação esportiva.