Mescla brasileira sente a pressão e perde na estreia do Mundial feminino

Mundial

A falta de experiência pesou para a seleção brasileira na estreia do Mundial de basquete, na Turquia. Jogando contra a forte seleção da República Tcheca, as comandadas de Luis Augusto Zanon não tiveram a eficiência ofensiva necessária e perderam por 68 a 55. A partida foi realizada na cidade de Ancara.

O nervosismo inicial da equipe europeia fez com que o Brasil ficasse um bom tempo a frente do marcador no primeiro período e deu a possibilidade até mesmo de aumentar a vantagem brasileira. Porém, os erros ofensivos pesaram contra uma equipe com pouca bagagem internacional, dando espaço para que a tchecas acalmassem os ânimos e começassem a  ditar o ritmo desejado.

Com troca de passes e uma transição bem entrosada, as atuais vice-campeãs mundiais foram envolvendo o sistema defensivo brasileiro e mesmo quando o Brasil conseguia neutralizar o poderio ofensivo do oponente, o aproveitamento nas bolas de quadra e nos lances livres acabaram não permitindo uma aproximação no placar.

Ambas os times terão seu segundo compromisso na competição amanhã: Enquanto a República Tcheca fará seu confronto contra o Japão, às 10 h, o Brasil terá outra pedreira pela frente: A Espanha, às 19 h (ambos horário de Brasília).

Foto: Divulgação



Jornalista formado em 2012 pela FIAM e que tem paixão por esportes, destacando-se Futebol, MMA, Basquete e Automobilismo. Foi editor e repórter do Universo dos Sports.