Wanderlei Silva detona UFC e anuncia aposentadoria

Na noite desta sexta-feira (19), Wanderlei Silva anunciou sua aposentadoria dos octógonos. O agora ex-lutador publicou um vídeo em seu canal no Youtube sobre no qual ele fala de sua carreira e ainda detona o UFC, afirmando que a organização tirou sua vontade de lutar.

Wanderlei no inicio do clipe, que se chama “Isso não é um Adeus”, fala sobre a emoção de enfrentar seus adversários no começo de sua carreira e que agora, depois de todos esses anos lutando, seu corpo está cobrando sua aposentadoria, pois ele sente dores que o dificultam de lutar nos octógonos e que não consegue treinar normalmente.

O Cachorro Louco logo em seguida criticou duramente o UFC, afirmando que eles pagam muito pouco e que a franquia não respeita os atletas como lutadores. Outra fato que ele explica é que ele estava sendo cogitado para lutar no dia 31 de maio, e que os organizadores do evento aumentaram o dinheiro oferecido pelo combate e que ele recusou por não estar apto a entrar no tatame.

Ainda na critica sobre o UFC, ele citou o brasileiro Renan Barão que foi obrigado a lutar três vezes em seis meses. Silva afirma que isso é loucura, pois o atleta não para de treinar e que como consequência do desgaste desses treinamentos, o brasileiro perdeu o cinturão. O segundo resultado negativo foi que para a luta seguinte, Barão não alcançou o peso ideal para o combate e que os organizadores ficaram debochando da cara do brasileiro.

Atualmente Wanderlei Silva tem uma academia de MMA em Las Vegas, onde ele oferece aulas gratuitas para menores carentes. Em 2010, sua academia foi premiada como a melhor do ano. Cachorro Louco já afirmou que tem o interesse de montar esse projeto em Curitiba, sua cidade natal.

Em 18 anos de carreira, esses são os números de Wanderlei Silva nas lutas:

No MMA, Cachorro Louco disputou 49 lutas, com 35 vitórias (25 por nocaute/nocaute técnico, 3 por finalização e 7 por pontos), 12 derrotas (6 por nocaute e 6 por pontos), um empate e um no contest. No UFC, foram 12 lutas com cinco vitórias (4 por nocaute/nocaute técnico e 1 por pontos) e sete derrotas (3 por nocaute/ nocaute técnico). No Pride FC ele possui 22 vitórias (16 por nocaute/nocaute técnico, 5 por pontos e 1 por finalização), quatro derrotas (2 por nocaute/nocaute técnico e 2 por pontos) e um empate e um no contest.

Veja o vídeo que Wanderlei Silva publicou em suas redes sociais:



Jornalista. Como todo torcedor também gosto de dar meus pitacos. Fã da seleção italiana, do Milan e do Arsenal.