Barrichello pode chegar ao título da Stock Car neste domingo

Barrichello vence a Corrida do Milhão na Stock Car
100ª vitória do Brasil na F1 - GP da Europa 2009

Rubens Barrichello está a uma etapa de conquistar seu primeiro título desde o ano de 1991, quando conquistou a F3 Inglesa.

O piloto com mais participações em corridas na história da F1 busca um título que não chega há mais de 20 anos. Rubens Barrichello sempre foi datado como excelente acertador de carros, mas nunca como campeão.

LEIA MAIS
Relembre as decisões de títulos recentes mais emocionantes da F1
Barrichello testa Fiat Punto esportivo no Acelerados

Agora, faltando somente uma etapa para o término da temporada 2014 da Stock Car, Rubinho pode sentir novamente o gosto de ser campeão.

Não que nunca sentisse isso, ainda lembrando a célebre dupla com Michael Schumacher, onde dominaram a categoria no início dos anos 2000, com títulos na disputa entre Construtores. Mas faltava um título individual para um piloto que ficou quatro vezes entre os três primeiros da temporada, mas que nunca alcançou o topo.

Rubens sabe da importância do resultado da corrida deste domingo, em Curitiba. uma pista onde ele conquistou dois bons resultados este ano (venceu a primeira prova e foi segundo na segunda prova) e com uma regularidade que sempre foi sua característica mais forte.

Ficou somente três vezes fora da zona de pontuação e, para garantir o título, precisa terminar na 4º colocação.

Não sabemos o que vai acontecer com Rubinho, se ele conseguirá o título ou se vai perder e ser chamado de ‘amarelão’. Rubinho nunca chegou a última etapa da temporada com possibilidades de título (em 2009, ficou próximo disso, mas não garantiu a possibilidade de disputar a derradeira etapa com chances de ser campeão)

Com todo o respeito a Átila Abreu, Thiago Camilo e Júlio Campos, que são os outros três pilotos que brigam pelo título, mas Barrichello merece o título pela sua regularidade, mas principalmente, por ser um piloto com excepcional carisma e humor.

É um cara que sabe rir de si mesmo, e é isso que faz dele um cara legal. Um cara bem legal para conquistar um título que não vem desde 1991, quando bateu David Couthlard e Gil de Ferran, para ganhar a F3 Britânica. A StockCar merece um campeão que nem Rubinho.

Crédito da foto: Reprodução/Instagram



Jornalista de 29 anos, com passagens em diversos sites como UOL Esporte, Trivela, Fanáticos por Futebol, Doentes por Futebol e revistas como IstoÉ 2016. Atualmente, é comentarista na Rádio Trianon 740AM SP.