Bauru x Mogi: a gente conta o que a TV não mostrou

Bauru

Hoje, recebi a incumbência de descrever como é acompanhar um jogo de basquete das arquibancadas. A ideia é mostrar pra vocês o que a TV não conseguiu mostrar em Bauru x Mogi, um clássico paulista. Desde a chegada, o clima de um jogo de basquete já é diferente, mesmo com torcidas rivais na portaria. O clima é sempre pacífico (na maioria das vezes), mas como de costume, também tem aquelas provocações.

LEIA MAIS
Confira os melhores game-winners da NBA
Bauru e Mogi estão na final da Liga Sul-Americana de basquete

Ao contrário do que acontece no futebol, as famílias vão completas ao ginásio e predominam as arquibancadas, criando um clima leve e festivo ao jogo. Grande parte da torcida em Bauru foi chegando durante a disputa de terceiro lugar entre Boca Juniors e Malvin, aliviando a ansiedade para a grande final contra o Mogi.

Para mostrar como o clima era tão tranquilo, os jogadores do Mogi esperavam o primeiro jogo terminar em meio a alguns torcedores bauruenses, e assistiam a uma apresentação de dança.

Uma hora antes do jogo, a torcida de Bauru começava a mostrar um pouco do show que sempre dá com os foguetórios fora do ginásio, e a chegava em grande número para empurrar o time. Até o torcedor simbolo do Linense (clube de futebol de uma cidade próxima), o Lolô, também estava no jogo apoiando o Bauru.

Mesmo antes do jogo do Bauru, a torcida já foi a loucura com o arremesso de três pontos no último segundo do time do Boca, garantindo a vitória dos argentinos.

Mas o ginásio quase foi abaixo com um lance maravilhoso de Larry Taylor do Bauru, que terminou em uma bela cesta. A vitória do Bauru por 79 a 53 deu o título inédito da Liga Sul-Amerina de basquete para o time bauruense.

E assim, quem foi ao ginásio Panela de Pressão, além de ver um grande jogo, viu uma reunião familiar e um ambiente sem brigas.



Radialista, comentarista no programa Gus in USA na Rádio EsportesNET. Apaixonado por Esportes Americanos, principalmente o futebol americano (NFL e College Football). Torcedor do Washington Redskins e do Tennessee Volunteers.