Chris Weidman pressiona e Belfort passa por exames antidoping

Após reclamações de Chris Weidman sobre Vitor Belfort, pelo fato de o brasileiro não ter realizado exames antidoping durante a preparação para a luta do dia 28 de fevereiro, pelo título dos pesos-médios (até 84 kg), o brasileiro teve que realizar testes de urina e sangue para provar que não está usando nenhuma substância ilegal.

LEIA MAIS
Dana White oficializa Belfort x Weidman para 28 de fevereiro, no UFC 184

TUF Brasil 4 será gravado em Las Vegas

O americano usou seu Twitter para pressionar a Comissão Atletica de Nevada (NAC) e o anúncio público funcionou. Embora tenha insistido para que Belfort realizasse os exames, Weidman disse que independentemente do que o brasileiro usar na sua preparação para a luta, o cinturão continuará nos Estados Unidos.

Quando soube do resultados dos exames, Weidman comemorou: “Estou feliz que a coisa certa aconteceu. Espero que continuem. Mal posso esperar pelo dia 28 de fevereiro”, disse o norte-americano em seu Twitter.

 



Jornalista esportivo!