Cruzeiro recebe o Botafogo preocupado com sua queda de rendimento

A oscilação do Cruzeiro observada nos últimos jogos começa a ser claramente colocada sob os holofotes do clube mineiro. Depois de um primeiro turno de Brasileirão avassalador, o Cruzeiro conquistou apenas 50% de seus pontos no returno até agora e a diminuição de diferença de pontos para o segundo colocado para cinco começa a preocupar.

LEIA MAIS
Confira a classificação do Campeonato Brasileiro

Como seria uma seleção só com jogadores que já faleceram

Por isso o técnico Marcelo Oliveira consultou os fisiologistas e preparadores físicos da Raposa para definir quem irá a campo hoje enfrentar o Botafogo. Relativamente tranquilo pela partida em si, já que enfrenta um dos piores times do campeonato, o que mais preocupa o treinador mineiro é o desgaste para a partida decisiva contra o Santos, pela Copa do Brasil, na próxima quarta.

Tem sido notório que a celeste não consegue manter o mesmo ritmo de jogo ao longo das partidas e a essa altura da competição, todo e qualquer cuidado é necessário. Ainda mais quando se tem pela frente alguém em uma situação tão terrível, que por pura honra resolve jogar tudo o que sabe.

Inclusive, no primeiro turno, quando ambos os times já se encontravam nos mesmos contextos de agora, o Botafogo vendeu caro o empate por 1 a 1, em jogo que gerou reclamações acintosas do elenco cruzeirense contra a arbitragem.

O fato é que, no campo, faltou perna para fazer valer a superioridade técnica e hoje deve ser ainda pior.

Chegou a hora de o Cruzeiro confirmar, em definitivo, se ele é o maioral do Brasil. Ou se até nisso o rendimento caiu…

Ficha técnica – Cruzeiro x Botafogo

Campeonato Brasileiro – 32ª rodada

Estádio do Mineirão, em Belo Horizonte – 17 horas

Cruzeiro: Fábio; Mayke, Dedé, Léo e Egídio; Lucas Silva e Henrique; Éverton Ribeiro, Ricardo Goulart e Marquinhos; Marcelo Moreno.
Técnico: Marcelo Oliveira

Botafogo: Jefferson; Régis, Dankler, Rodrigo Souto e Júnior César; Andreazzi, Gabriel, Bolatti e Carlos Alberto; Murilo e Rogério.
Técnico: Vagner Mancini

Foto: Getty Images



Tudo o que preciso é um papel e uma caneta. Apaixonado por esportes desde 1900 e bolinha: de futebol, basquete, tênis, rugby...