Opinião: Mano é criticado pelo trabalho aquém do esperado. E Abel?

abel

Embora o Corinthians tenha conquistado três vitórias consecutivas e se encontre em uma situação bastante favorável para ir à Libertadores, Mano Menezes passa o ano inteiro em meio a críticas sobre seu trabalho. Críticas justas, uma vez que o time foi eliminado na primeira fase do Paulista, sequer foi capaz de ameaçar o Cruzeiro no luta pelo título brasileiro e sofreu um atropelamento do Atlético-MG na Copa do Brasil. Pouco para um dos treinadores mais bem pagos do país, que poderia e deveria fazer mais com a qualidade do elenco que tem em mãos.

LEIA MAIS
Tabela do Brasileirão: Inter volta ao G-4 e Bahia pode cair já neste domingo
Internacional x Atlético-MG: Veja os gols da partida
Artilheiros da saudade: 18 goleadores que as crianças de hoje nunca verão igual

E Abel Braga com o Internacional? Venceu mais um Gaúcho, depois caiu na Copa do Brasil para o Ceará e foi despachado pelo Bahia, virtual rebaixado, na Sul-Americana, em ambas ocasiões após ser derrotado em casa. Tudo para se dedicar apenas à conquista do Brasileiro, que não vem há 35 anos. No entanto, os colorados fizeram apenas algumas cócegas no Cruzeiro e logo perdeu fôlego, assim como o Corinthians.

Diante dos reservas do Galo (sem tirar os méritos da garotada atleticana, talentosa e com um futuro promissor), em um Beira Rio lotado neste sábado, impor-se e sair com a vitória era mera obrigação. Os três pontos vieram, mas de maneira dramática, em um jogo no qual a falta de criatividade e organização da equipe foi agoniante, e o gol salvador veio em um lance fortuito aos 47 da segunda etapa. Repertório paupérrimo. E quem acompanha as atuações do Inter nas outras partidas pode perceber que nelas não acontece nada muito diferente disso. Também é pouco.

Abel, assim como Mano, recebe um salário astronômico e conta com um elenco para sonhar mais alto. Merece igualmente, quem sabe até mais, as críticas.



Estudante de jornalismo na Universidade Presbiteriana Mackenzie e alucinado por futebol.