Time boliviano usa camisa com números pintados com canetinha

O futebol boliviano é profissional há muitos anos. Mas, às vezes, acontecem por lá algumas coisas que nem na várzea brasileira seriam aceitas. Veja o caso do The Strongest, um dos times mais tradicionais do país, com muitas Libertadores disputadas no currículo. No último fim de semana, a equipe teve de entrar em campo com uma camisa improvisada, com os números pintados com canetinha.

Os “Tigres”, como são conhecidos, iriam enfrentam a Universidad de Pando, pela 1ª divisão, fora de casa. Quando entraram em campo, perceberam que o adversário tinha uniforme com as mesmas cores que as suas.

Por causa disso, o juiz determinou que o The Strongest mudasse a camisa e usasse a reserva. Mas, o time não levou uniforme alternativo para a cidade de Cobija. O jeito foi improvisar.

O time acabou utilizando a camisa de viagem (!!) que, claro, não conta com números. Por causa disso, a maneira encontrada pela comissão técnica foi pintar a numeração com canetinha da maneira mais rudimentar possível.

O veterano jogador Pablo Escobar, que passou por gramados brasileiros atuando por equipes como o Santo André e a Ponte Preta, chegou a postar uma foto no Twitter mostrando a camisa.

Se o resultado estético foi ruim, em campo o time se deu muito bem e venceu o rival por 3 a 1. O The Strongest é o 5º colocado do Campeonato Boliviano com 27 pontos em 18 rodadas.



Jornalista, formado na Metodista, com passagens pelo UOL, R7, Meia Hora e Diário do Grande ABC.