Holanda vence Espanha por 2 a 0 em Amsterdam

Foto: Carmelo Rubio/Site oficial Confederação Espanhola de Futebol (RFEF)

No primeiro jogo após a goleada por 5 a 1 na Copa do Mundo de 2014, a Holanda superou o time misto da Espanha ao fazer 2 a 0 em amistoso disputado na Amsterdam Arena. De Vrij e Klaassen marcaram os gols.

LEIA MAIS:
Substituto de Diego Costa salva Espanha na vitória contra Ucrânia
Sneijder salva Holanda do vexame em Amsterdam

Remanescente do elenco que ficou em terceiro no Mundial do Brasil, De Vrij mostrou que tem estrela contra a Espanha. Aos 12min, o zagueiro recebeu cruzamento de Sneijder, subiu mais que Albiol e cabeceou sem chances para De Gea.

A Espanha não teve tempo de reagir. Três minutos depois, Klaassen aproveitou nova falha daa zaga espanhola e chutou duas vezes para colocar a bola na rede. Juanmi se movimentou bastante e Pedro quase diminuiu na melhor chance da Espanha no primeiro tempo, mas a Holanda segurou o 2 a 0.

Vicente del Bosque aproveitou o amistoso para fazer experiências e escalou um time alternativo, com o estreante Juanmi como titular. No segundo tempo, promoveu a entrada de uma das revelações do futebol espanhol, o atacante Vitolo, do Sevilla, autor de nove gols na temporada – incluindo jogos do Campeonato Espanhol e da Liga Europa.

Insatisfeito com o desempenho da equipe, o técnico espanhol colocou na etapa final os experientes David Silva, Sergio Ramos e Andrés Iniesta. As substituições deram mais posse de bola à seleção espanhola, que teve um gol anulado pelo árbitro escocês William Collum. Ele assinalou impedimento de David Silva e, com isso, a Espanha não conseguiu alterar o placar.

FICHA TÉCNICA:
Holanda 2 x 0 Espanha (amistoso)
Local: Asterdam Arena, Amsterdam (Holanda)
Gols: De Vrij (12′), Klaassen (15′)
HOLANDA: Vermeer, De Vrij, Indi, Janmaat, Willems, Blind (De Guzmán), Klaasen, Sneijder (Wijnldum), Narsingh, Depay (Afellay) e Huntelaar (Dost). T: Guus Hiddink
ESPANHA: De Gea, Albiol, Piqué, Bernat, Carvajal, Mario Suárez (Sergio Ramos), Isco (David Silva), Cazorla (Iniesta), Fabregas, Pedro (Vitolo) e Juanmi (Morata). T: Vicente del Bosque

(Foto: Carmelo Rubio/Site oficial Confederação Espanhola de Futebol-RFEF)