Opinião: Por que Russell Westbrook deveria ser o MVP da temporada?

Talentoso e capaz de lidar com as críticas, o armador Russell Westbrook vem fazendo uma temporada excepcional pelo Oklahoma City Thunder no momento em que a equipe mais tem precisado dele. Os números alcançados pelo armador e a estabilidade de suas atuações merecem destaque e podem levá-lo ao posto de MVP.

LEIA MAIS:
Thunder vence confronto direto e abre vantagem na briga pelos playoffs da NBA

Com a ausência do ala Kevin Durant e recentemente também do pivô Serge Ibaka, a franquia passou a depender mais de Westbrook, e o jogador se tornou peça ainda mais fundamental durante as partidas. Mais do que isso, é impossível ver onde a equipe de Oklahoma está na classificação sem levar em conta o rendimento do atleta nessa temporada. Apesar dos problemas, o time segue em 8º lugar na Conferência Oeste, com a última vaga para os playoffs.

As atuações do camisa 0 do Thunder têm sido constantes e as médias alcançadas  em pontos (27.6), assistências (8.6) e rebotes (7.2) superam as de 2013-2014, além de serem expressivas e essenciais para o time. Westbrook tem a maior média de pontos por jogo da liga e é o quarto na lista dos jogadores que mais dão assistências.

Além disso, o jogador, draftado em 2008, já atingiu a marca de 10 triplos-duplos desde o início da temporada, contra apenas dois na última. Também merece destaque sua participação no que envolve roubos de bola. Sua média por jogo, 2.15, é a segunda mais alta da liga, com 127 roubadas de bola no total.

Westbrook já foi escolhido o MVP do All-Star Game em fevereiro de 2015. Você acha que ele deve ser escolhido também o MVP da temporada? Ou os outros concorrentes vêm mais fortes? Deixe sua opinião!



Jornalista formada em 2014, torcedora e apaixonada futebol, Fórmula 1 e esportes olímpicos. Sempre de olho nas últimas do mundo do esporte e louca por NBA.