Vagner Love foi salvo por colegas no Palmeiras após ‘noite de amor’; relembre

Vágner Love
Getty Images

O atacante Vagner Love marcou seu primeiro gol com a camisa do Corinthians, mas já passou por uma história inusitada no Palmeiras. O jogador foi salvo pelos seus companheiros após uma ‘noite de amor’.

LEIA MAIS:
Valdívia debocha de sua condição física e finge contusão

A Rádio ESPN resgatou a história, reproduzida no site da ESPN. Quem explicou a ‘epopeia’ de Love foi seu companheiro na época de Palmeiras, Edmilson.

“Tudo começou quando 23h30 o Márcio Araújo convocou todos os atletas e disse que teria reunião, mas não falou sobre o que seria. Só vimos o Vagner chegar chorando, arrependido, e aí contaram o que tinha acontecido… No dia seguinte, teve jogo contra o São José e me perguntaram o que tinha acontecido com o Vagner. Eu falei que ele tinha torcido o tornozelo, mas o Márcio ouviu e chegou gritando: ‘É mentira! Foi pego com mulher na concentração e está voltando agora para São Paulo!'”, recordou Edmilson em entrevista para a rádio.

A história a que Edmílson se refere aconteceu na Copa São Paulo de juniores de 2003, quando Vagner Love foi flagrado com uma mulher na concentração e afastado em decisão conjunta do técnico Karmino Kolombini e do diretor de futebol, Márcio Araújo.

Mas segundo Edmílson, os jogadores se mobilizaram e conseguiram convencer o presidente do Palmeiras na época, Mustafa Contursi, a permitir que Love voltasse ao grupo. “Fizemos um abaixo-assinado para tentar amolecer o coração do Mustafá, que não queria que o Love voltasse de jeito nenhum. Felizmente, deu certo, e ele tirou o Vagner da geladeira”.

Crédito da foto: Getty Images



Jornalista de esportes desde 2005, com passagem pelo UOL e Terra. Editor de comunidades do Torcedores.com e blogueiro do renanprates.com