Aidar pede que críticos deixem o São Paulo em paz

Foto: Rubens Chiri/saopaulofc.net

O presidente do São Paulo, Carlos Miguel Aidar, se cansou de uma vez por todas das várias críticas que o clube vêm recebendo atualmente e pediu um basta, na tarde desta quarta-feira (1º), momentos antes do embate contra o San Lorenzo-ARG, fora de casa, pela Libertadores.

LEIA MAIS:
Juvenal faz desabafo filosófico sobre Aidar: “me deixou nu na passarela da verdade”
Muricy pede “personalidade” ao São Paulo para se classificar na Libertadores

O mandatário concedeu uma entrevista coletiva, no hotel em que o time está concentrado, e falou também que, mesmo que o time perca na Argentina, nada irá mudar no departamento de futebol, conforme foi ventilado por boa parte da imprensa no início da semana.

“Não existe nenhuma hipótese de se mexer no departamento de futebol. Estou muito satisfeito com o trabalho de todos. O que acontece na verdade é que existem pessoas que não estão satisfeitas com a maneira como trabalhamos”, disse Aidar.

“Pessoas que já prestaram trabalho ao clube e outras que gostariam de estar nos nossos lugares. É uma pena que isso aconteça. É uma brincadeira de mau gosto”, complementou na sequência, dando a entender que pessoas de dentro do próprio São Paulo estejam boicotando a equipe, bem como o ex-presidente Juvenal Juvêncio, desafeto declarado do atual cartola.

O ex-mandatário, inclusive, deu uma entrevista também nesta quarta-feira, criticando, mais uma vez, o modo como Aidar tem conduzido o São Paulo e reclamando, de novo, de ter sido traído pelo dirigente, cujo foi eleito graças ao empenho de JJ, já que os dois eram da mesma corrente política no Tricolor.

Sobre Muricy, Aidar ponderou que o técnico está precisando de mais sossego para trabalhar, devido às doenças que teve recentemente e por ainda não estar nas melhores das condições. “É preciso respeitar o momento do Muricy. Ele está preocupado com a saúde, teve um problema mais grave e outro um pouco menos grave. Perdeu peso, está se tratando e tem sido vítima de uma pressão exagerada”, comentou, depois pediu, com todas as letras: “deem paz ao São Paulo”.

O jogo do São Paulo contra o San Lorenzo-ARG começa às 19h45, horário de Brasília, no estádio Nuevo Gasómetro, casa do atual campeão da Libertadores, em Buenos Aires. A partida será transmitida exclusivamente pelo Fox Sports e terá o acompanhamento também do Torcedores.com, por meio do seu já tradicional placar ao vivo.

Foto: Divulgação / São Paulo FC



Tudo o que preciso é um papel e uma caneta. Apaixonado por esportes desde 1900 e bolinha: de futebol, basquete, tênis, rugby...