Estrelas da NBA que estarão no mercado ao final da temporada

A temporada 2014/15 da NBA ainda nem acabou e muitos dirigentes já estão pensando no futuro. Há uma série de jogadores vivendo o último ano de seus contratos e que serão alvos de ofertas para os próximos campeonatos.

LEIA MAIS

O que está em jogo no último dia da temporada regular da NBA

As maiores surpresas da temporada da NBA

Leia mais sobre basquete no Torcedores.com

Confira uma lista de bons jogadores que estarão no mercado ao final da temporada

MARC GASOL: O espanhol é tido por muitos especialistas como o melhor pivô da atualidade na NBA. E o seu contrato com o Memphis Grizzlies termina no final desta temporada. Na condição de agente-livre irrestrito, o jogador poderá assinar com qualquer equipe.

Em comparação com outros pivôs da liga, Gasol é o melhor em vários aspectos: ele é bom ofensivamente e defensivamente, tem bom arremesso e consegue bons números em rebotes. Com tantos atributos, é possível que o espanhol seja atraente para equipes em mercados maiores do que o de Memphis.

É certo que Gasol receberá uma oferta de contrato máximo para seus próximos anos na liga. E o Grizzlies também estará na briga pela renovação de seu principal jogador.

JIMMY BUTLER: Butler é possivelmente o jogador que mais evoluiu nesta temporada. O jogador deu um salto de qualidade e se tornou uma das principais peças do Chicago Bulls: sua média de pontos subiu de 13,1 em 2014 para 20,0 no campeonato atual.

Butler ainda é novo e está completando sua quarta temporada. Ou seja, é um jogador com um futuro promissor. É provável que o ala-armador receba uma oferta para receber o contrato máxomo no próximo ano. Contudo, na condição de agente-livre restrito, Butler pode seguir no Bulls. Para isso, basta ao time de Chicago igualar a proposta recebida pelo atleta.

KAWHI LEONARD: O San Antonio Spurs viverá um dilema ao final deste campeonato: a renovação de Kawhi Leonard. O MVP da final da temporada passada estará disponível para receber propostas de outras equipes da NBA.

Como Leonard também é um agente-livre restrito, o Spurs poderá cobrir qualquer oferta. No entanto, dar o contrato máximo a um jogador pode atrapalhar o balanço salarial do time texano.

Em 2014/15, Leonard liderou a NBA em roubos de bola. Além disso, o ala-armador foi o principal cestinha do time de San Antonio, com média de 16,6 pontos por partida.

KEVIN LOVE: Com receio de ficar sem nada ao final desta temporada, o Minnesota Timberwolves trocou Kevin Love com o Cleveland Cavaliers. Ainda sem negociar a renovação, o ala-pivô surge como um dos melhores agentes-livres ao final desta temporada.

Love viu seus números diminuírem em Cleveland: de 26,1 para 16,3 em pontos e 12,5 para 9,8 em rebotes. Além disso, muito se especula sobre seu relacionamento com os outros jogadores do Cavaliers.

Como Love tem a opção de sair de seu último ano de contrato e testar o mercado, é possível que ele receba boas propostas de equipes em crescimento. No entanto, um possível sucesso do Cavaliers nos playoffs pode mudar esse panorama.

LAMARCUS ALDRIDGE: Aldridge é um dos melhores jogadores de sua posição e será um agente-livre irrestrito ao final desta temporada. Ou seja, o ala-pivô do Portland Trail Blazers poderá acertar com qualquer equipe.

No entanto, o que se especula é que Aldridge não está interessado em deixar o Trail Blazers. O jogador tem feito elogios ao seu treinador Terry Stotts. Além disso, ele tem uma outra estrela no elenco (Damian Lillard) e uma equipe com potencial para disputar as primeiras colocações do Oeste.

BROOK LOPEZ: Com a diminuição das lesões, Brook Lopez parece voltar aos seus melhores dias. E tal fato aconteceu justamente na temporada em que ele poderá testar o mercado. O pivô será uma das boas opções da offseason.

Ainda não está claro se Lopez decidirá testar o mercado. E ainda que o jogador do Brooklyn Nets decida procurar outro lugar para jogar, também não é certo se o pivô terá condições de receber um contrato máximo. Embora colabore com a boa média de 17,2 pontos por jogo, Lopez começou 28 jogos no banco de reservas.

MONTA ELLIS: Monta Ellis é um dos jogadores mais produtivos no Dallas Mavericks. Mark Cuban tentou montar um time capaz de dar mais um título ao alemão Dirk Nowitzki antes de sua aposentadoria e o ala-armador é peça fundamental neste cenário.

No entanto, o Mavericks entrará nos playoffs da Conferência Oeste apenas com a sétima melhor campanha. Uma eliminação precoce pode fazer com que Ellis decida testar o mercado, uma vez que ele tem essa opção ao final da temporada.

LEBRON JAMES: o melhor jogador da NBA está na lista dos possíveis agentes livres ao final desta temporada, apenas como formalidade. O jogador pode testar o mercado, mas é altamente improvável que ele escolha deixar Cleveland após um único campeonato no seu retorno à sua cidade natal.



Profissional formado em Jornalismo, com pós-graduação em Jornalismo Esportivo e Negócios do Esporte. Experiência em web-jornalismo e hard news. Bom desenvolvimento de pautas, notas, especiais e grandes reportagens para impressos. Amplo conhecimento do mundo esportivo e de diversas modalidades.