Há 16 anos, Monte Carlo recebeu o maior jogo entre Guga e Meligeni; Recorde

Fernando Meligeni

O Brasil não tem nenhum tenista na chave de simples do ATP 1000 de Monte Carlo, considerado por muitos especialistas no esporte o segundo torneio em importância em quadras de saibro – perdendo somente para Roland Garros. No entanto, em 1999, Gustavo Kuerten e Fernando Meligeni se encontraram nas oitavas de final e fizeram o jogo mais importante entre ambos no circuito profissional.

LEIA MAIS

Teliana e Bia quebram jejum de 26 anos no tênis brasileiro

Naquela época, Guga tinha o talento questionado porque não havia decolado depois de conquistar Roland Garros em 1997. Até Monte Carlo, o catarinense ganhou dois torneios menores, em Mallorca e Stuttgart, e do outro lado estava um tenista mais experiente, já com três taças de campeão no currículo. Ou seja, havia um empate em número de títulos.

O equilíbrio dos números prévios não se confirmou em quadra (na principal, importante dizer), tanto que a partida durou uma hora e 14 minutos. Guga venceu por 2 sets a 0 (parciais de 6/2 e 7/6), embalou depois e faturou o primeiro Masters 1000 da carreira. Foi ali que o catarinense engatou uma série de conquistas importantes, até ser bicampeão em Roland Garros em 2000 e assumir o posto de número 1 do mundo.

“Esse tal de Guga adorava acabar com meus prazeres nos torneios”, brincou Meligeni em post recente no seu blog. De fato. Em quatro duelos contra Guga na ATP, ele perdeu todos.

Guga, por sua vez, se fortaleceu com aquela vitória e o título por consequência. “É uma sensação muito boa estar aqui e ver a bandeira brasileira. Acho que a última vez que vi a bandeira brasileira em Monte Carlo foi no tempo de Ayrton Senna”, emocionou-se Guga, com a taça em mãos, referindo-se ao ídolo que já ostentava uma história de sucesso no Principado. Guga fez a sua, abrilhantada com o segundo título lá, em 2001.

Foto: FotoJump



Jornalista desde 2008, é um estudioso do esporte e se orgulha por ter participado da cobertura de duas Olimpíadas: na Folha e no iG. Fecha o caderno de esportes do jornal ABCD MAIOR, que fica na Região do ABC Paulista