Jornalista do Sportv é desmentido ao vivo por presidente do Corinthians sobre Guerrero

A novela Guerrero não está perto do fim no Parque São Jorge, apesar de o repórter do Sportv Carlos Cereto ter afirmado no programa “Seleção Sportv”, nesta quarta-feira, que o centroavante vai acertar a renovação contratual.

LEIA MAIS:
Conheça as 7 maiores goleadas do Timão na Libertadores
Vampeta promete vestir a camisa do São Paulo se o San Lorenzo não vencer

“A informação que eu tenho aqui e repito: é que o Corinthians está próximo de renovar com o Guerrero”, disse Cereto, que na sequência foi desmentido pelo presidente Roberto de Andrade que participava da conversa direto da Arena Corinthians.

“Não. Está errada a sua informação”, rebateu Andrade, que prometeu quitar todas as dívidas com o elenco (direitos de imagem e premiação) antes de iniciar as tratativas para a renovação contratual do camisa 9.

“Enquanto não resolver as pendências com o elenco, eu não vou conversar com Guerrero ou com qualquer outro jogador que a gente tenha que renovar o contrato. Estamos trabalhando bastante em busca de receitas, gostaria que isso já tivesse sido resolvido. Quero resolver o mais rápido possível e estou muito otimista que possamos resolver tudo no mês de abril”, disse o mandatário.

O atual vínculo de Guerrero com o Timão se encerra em 15 de julho. A gestão passada do presidente Mario Gobbi iniciou as conversas para a prorrogação contratual, porém, o staff do atacante pediu US$ 7 milhões (R$ 23 milhões, nos valores atuais) em luvas, enquanto o clube ofereceu US$ 4 milhões (R$ 13 milhões).

Eleita em fevereiro, a atual gestão admite pagar até US$ 5,5 milhões (R$ 18,3 milhões), parcelados ao longo de três temporadas, que seria o tempo do novo acordo. Os salários subiriam de R$ 480 mil para R$ 500 mil.

crédito foto: Daniel Augusto Jr/Agência Corinthians



Rafael Alaby é jornalista diplomado pela FIAM (Faculdades Integradas Alcântara Machado), com passagens pela Chefia de Reportagem de Esportes, da TV Bandeirantes, em São Paulo e site KiGOL. Pós-graduado em Jornalismo Esportivo e Negócios do Esporte (FMU)