Mineirinho avança em repescagem contra Alejo Muniz

Crédito da Foto

Um duelo entre brasileiros marcou o começo do segundo dia da terceira etapa do mundial de surfe, em Margareth River, na Austrália. Após a eliminação precoce de Gabriel Medina na primeira bateria da repescagem, Adriano de Souza encarou Alejo Muniz e fez bonito. O brasileiro segue na briga pela liderança do ranking, enquanto o atual campeão Medina se afasta.

LEIA MAIS:
Medina é eliminado na 2ª rodada e se distancia na briga pelo bi mundial

Na segunda bateria do dia, Mineirinho logo pegou uma boa onda e com um air drop equilibrado garantiu um 9.80, jogando toda a pressão para Alejo, convidado da etapa. Mesmo sem a prioridade, surfou mais uma onda, obrigando o adversário a fazer uma combinação. Com poucas ondas boas na sequência, Alejo surfou um 3.83, precisando de uma onda excelente nos momentos finais.

Restando três minutos, surgiu uma boa onda, mas a expectativa da virada logo acabou quando os juízes apontaram a nota: 7.50. Adriano de Souza avançou para a terceira fase, somando 13.90 contra 11.33. Mineirinho foi o segundo brasileiro a avançar para a terceira fase. Miguel Pupo já havia avançado no primeiro dia, eliminando Filipe Toledo, vencedor da última etapa, que surfa nas próximas baterias.

Além de Filipinho, outros 3 brasileiros entram na água ainda hoje para manter a Brazilian Storm no topo. No round de número dez, teremos outro duelo de brasileiros, entre Wigolly Dantas e Ítalo Ferreira. Em seguida, o último brasileiro, Jadson André enfrenta M. Banting.

Crédito da Foto: WSL/Reprodução



Jornalista formado pela USCS, apaixonado por esportes, cultura e comunicação. Ex-atleta em atividade, pensa que sabe algo sobre futebol, handebol e esportes americanos.