Muriqui deixa sua marca na goleada do Al Sadd pelo Campeonato do Qatar

Em seu primeiro ano pelo futebol árabe, o atacante Muriqui faturou neste final de semana o vice-campeonato da Liga do Qatar atuando pelo Al Sadd. Neste domino o brasileiro deixou sua marca na goleada de 5 a 2 da equipe sobre o El Jaish, que ocupava a terceira colocação. O título então, ficou com Lekhwiya, que a uma partida do fim, não tem mais como ser alcançado.

LEIA MAIS:
Elkeson faz dois gols e comanda a goleada do Guangzhou no Campeonato Chinês

Mesmo com o o triunfo na competição, o atacante lamenta a perda do título pelo arquirrival pelo Campeonato do Qatar. O objetivo de Muriqui, ex-Atlético Mineiro, era levar a disputa do título, até a última rodada da competição nacional, mas não conseguiu.

“Precisávamos vencer, torcer por um tropeço do líder e levar a decisão do título para a última rodada. Mas não deu”, lamentou Muriqui sobre a perda do título da competição.

Muriqui comenta sobre a partida contra o El Jaish e destaca que o adversário teve dois pênaltis para fazer contra a sua equipe. Um deles, o atacante Romarinho perdeu, já o outro convertido e o brasileiro garante que o triunfo foi fundamental para o Al Sadd.

“Hoje, tivemos um primeiro tempo difícil, com dois pênaltis contra. Fiz 1 a 0, o Romarinho perdeu o primeiro pênalti, depois um outro jogador empatou, numa outra penalidade, mas fomos para o intervalo vencendo. Eles vieram com tudo para cima no segundo tempo buscando o empate, mas fizemos o terceiro e resolvemos o jogo”, emendou.

O atleta aproveita para fazer uma analise positivo em relação ao seu início de caminhada em um novo centro que é o futebol árabe, Muriqui garante que foi difícil sua adaptação no novo clube. Mas garante que está feliz em seu novo clube, além de projetar sequência pelo Al Sadd.

“Foi difícil, porque cheguei com um problema no púbis. Fiquei quase dez meses parado e estou jogando há apenas um mês e meio. Essa foi minha sexta partida como titular. E fiz seis gols. E o estilo de jogo daqui é outro. Digamos que foi uma temporada de adaptação. Mas estou feliz, pois estou voltando a fazer o meu melhor em campo. Agora é dar sequência. Temos mais três competições importantes pela frente para buscar coisas melhores.”

Foto: Divulgação/Al Sadd



Radialista, Jornalista com passagens como correspondente pelo site italiano CalcioNews24.com e pelo Arena Rubro-Negra. Atualmente setorista do Fluminense e Futebol Sul-Americano no Torcedores.com