Atacante do Boca critica decisão da Conmebol: “Gordos mafiosos!”

Boca
Foto: Getty Images

A Conmebol, entidade máxima do futebol sul-americano, divulgou na noite deste sábado a punição do Boca Juniors após o caso do gás de pimenta, durante o clássico contra o River Plate, quarta-feira (13), no La Bombonera. O clube xeneize foi eliminado da competição e logo após o anuncio, o atacante Osvaldo postou uma mensagem polêmica, criticando a decisão.

LEIA MAIS:
Boca Juniors está eliminado da Copa Libertadores e River enfrenta o Cruzeiro

“E cinco gordos de terno em um escritório roubaram o sonho do meu sobrinho. Mafiosos! Avante Boca caretas!”, escreveu o jogador em seu perfil no Twitter.

O Boca Juniors chegou a se desculpar oficialmente pelo ocorrido, mas não adiantou. Neste sábado o jornal argentino “Olé” informou que um dos jogadores atingido pelo gás está com inflamação do cérebro e confirmou que o spray não era de pimenta, e sim de um composto químico caseiro mais prejudicial a saúde.

Além da eliminação, o Boca terá de jogar quatro partidas com portões fechados, quatro partidas sem torcida visitante e pagar 200 mil dólares de multa.

Boca

Foto: Getty Images