Corinthians ultrapassa a marca de 100 mil sócios-torcedores

O Corinthians chegou nesta terça-feira a 102 mil sócios-torcedores, superando a meta do início da semana que era de 100 mil. O número de adeptos cresceu significantemente a partir da reformulação do programa Fiel-Torcedor no início de maio. Foi criada a categoria “Minha Paixão”, a um preço popular (R$9 mensais) para os corintianos que residem fora da capital paulista.

LEIA MAIS:
Ex-treinador de Romero lamenta falta de aproveitamento do atleta no Corinthians
Corinthians tem vantagem e bom retrospecto fora de casa contra paraguaios; relembre os jogos

Outra novidade do Fiel Torcedor anunciada nos últimos dias foi a lançamento da categoria “Minha Nação”, destinada aos torcedores com maior poder aquisitivo que têm o interesse em locar cadeiras do setor Oeste da Arena Corinthians.

O Corinthians é o terceiro clube brasileiro com mais sócios-torcedores no ranking Torcedômetro, do Movimento por um Futebol Melhor, perdendo apenas para o Inter (136 mil) e o Palmeiras (119 mil).

Com a campanha “O corintiano não é o 12º jogador, é o primeiro”, o departamento de marketing alvinegro projeta que em breve o clube terá o maior número de sócios-torcedores do mundo. O líder é o Benfica, com mais de 270 mil.

Todos os ingressos para a partida de volta contra o Guaraní-PAR, em Itaquera, pelas oitavas de final da Copa Libertadores, foram vendidos através do programa Fiel Torcedor.

crédito foto: Daniel Augusto Jr/Agência Corinthians



Rafael Alaby é jornalista diplomado pela FIAM (Faculdades Integradas Alcântara Machado), com passagens pela Chefia de Reportagem de Esportes, da TV Bandeirantes, em São Paulo e site KiGOL. Pós-graduado em Jornalismo Esportivo e Negócios do Esporte (FMU)