Dudu pede desculpas à torcida do Palmeiras por erros na final do Paulistão

Chapéus
Cesar Greco/Ag.Palmeiras

O meia Dudu usou sua conta no Instagram para pedir desculpas à torcida do Palmeiras pelos erros cometidos na final do Paulistão, contra o Santos. No primeiro jogo, o camisa 7 alviverde cobrou um pênalti na trave que poderia ter aumentado a vantagem do Verdão, que venceu aquela partida por 1 a 0. Na volta, na Vila Belmiro, foi expulso ainda no primeiro tempo e empurrou o árbitro Guilherme Ceretta de Lima após receber o cartão vermelho.

LEIA MAIS
Preços do Avanti sobem e nem tudo é só flores; veja as principais reclamações sobre o programa

“Após alguns dias, sei que nada vai apagar o que fiz na semana passada. Mas todo ser humano erra. Venho pedir desculpas à todos pelo ocorrido. Sempre que entro em campo é com muito vontade de defender essa camisa e naquele momento do jogo estávamos perdendo o título. Queria muito ajudar meus companheiros, peço novamente desculpa à todos. Espero e trabalharei para dar a volta por cima ainda este ano. Tudo que eu mais quero é dar alegria a essa torcida que sempre está me apoiando !!!”, escreveu Dudu.

O jogador foi uma das principais contratações do Palmeiras na reformulação iniciada após o quase rebaixamento no Brasileirão do ano passado. A transação ganhou ainda mais impacto porque o então meia do Grêmio era disputado por São Paulo e Corinthians. A novela durou vários dias e resultou em um desfecho inesperado, já que o Verdão não era considerado como um clube que brigava por Dudu.

No Paulistão, Dudu oscilou entre bons jogos e atuações apagadas. O maior destaque foi na vitória sobre o São Paulo, no Allianz Parque, por 3 a 0. O clássico válido pela primeira fase devolveu o orgulho palmeirense porque há tempos o clube não vencia um jogo dessa dimensão. E o meia teve papel fundamental ao provocar a expulsão do zagueiro Rafael Toloi nos primeiros minutos em campo.

Foto: Divulgação/Palmeiras



Editor do Torcedores.com, está no site desde julho de 2014. Repórter e apresentador da TV Torcedores. Formado pela Universidade Metodista de São Paulo, já passou por UOL, Editora Abril e Rede Record. Participou da cobertura da Copa do Mundo de 2014, de dois Pans, dos Jogos Olímpicos de Londres 2012 e do Rio 2016.