Operário ganha do Coritiba e é campeão do Campeonato Paranaense

Pela primeira vez em 103 anos de vida, o Operário conquistou o Campeonato Paranaense, maior título de sua história, venceu diante do Coritiba por 3 a 0, em pelo estádio Couto Pereira. Mesmo com o apoio da torcida coxa-branca, não foi o suficiente para tirar o título da equipe do interior.

LEIA MAIS:
Quais são os times pequenos que podem surpreender nos Estaduais

Depois de abrir dois gols de vantagem na partida de ida, o Fantasma, não teve a menor pressa para atacar e durante todo o primeiro tempo não levou perigo ao gol de Vaná. Enquanto, o Coxa mostrou muito nervosismo e não conseguiu criar ótimas oportunidades para fazer o gol.

Já na etapa complementar, o técnico Marquinhos Santos colocou mais dois atacantes e deixou muitos espaços para que o Operário fizesse os três gols marcados por Juba, duas vezes e Ruy. O que sacramentou o título para o time de Ponta Grossa.

No lado do Coritiba, a equipe alviverde não tem muito tempo para lamentar e já na próxima quarta-feira, às 19h30, volta a campo pela próxima fase da Copa do Brasil diante do Fortaleza, na Arena Castelão. O Operário terá dois meses para celebrar o título e se preparar para a disputa da Série D, já que o primeiro compromisso será apenas na metade de julho.

FICHA TÉCNICA
CORITIBA 0X3 OPERÁRIO

Local: Estádio Couto Pereira, em Curitiba (PR).
Data: 03 de maio de 2015, domingo.
Horário: 16h.
Árbitro: Rafael Traci.
Assistentes: Luciano Roggenbaum e Moisés Aparecido de Souza.
Público e renda: 25.833 presentes; R$ 693.850,00

Coritiba: Vaná; Norberto, Luccas Claro, Leandro Almeida e Welinton (Keirrison); Helder, João Paulo (Wallyson) e Carlinhos; Negueba, Wellington Paulista e Rafhael Lucas.
Técnico: Marquinhos Santos.

Operário: Jhonatan; Danilo Baia, Douglas Mendes, Juan Sosa e Peixoto; Chicão, Lucas, Pedrinho (Julinho) e Ruy; Juba e Douglas (Joelson).
Técnico: Itamar Schülle.

Cartões amarelos: Negueba, Luccas Claro e Wellington Paulista (CFC); Pedrinho, Danilo Baía e Peixoto (OPE).
Gols: Juba (OPE), aos 12′ do segundo tempo, Ruy (OPE), aos 30′ do segundo tempo, e Juba, aos 33′ do segundo tempo.

Foto: Divulgação/Site Oficial do Coritiba



Radialista, Jornalista com passagens como correspondente pelo site italiano CalcioNews24.com e pelo Arena Rubro-Negra. Atualmente setorista do Fluminense e Futebol Sul-Americano no Torcedores.com