Opinião: Dudu falhou, mas ainda merece uma segunda chance no Palmeiras

Dudu

Ninguém esperada a contratação do atacante Dudu pelo Palmeiras. O jogador, que estava sendo disputado por São Paulo e Corinthians chegou ao Alviverde com moral. Em horas de negociação, Alexandre Mattos fechou a contratação do jogador por R$ 7 milhões.

LEIA MAIS

Após pênalti perdido e expulsão de Dudu, rivais comemoram chapéu em contratação

Dudu recebeu então a camisa 7 e o palmeirense viu nela a chance de encontrar o “novo Edmundo”, claro que sem o mesmo talento e a mesma marra. Hoje, quatro meses depois o jogador virou destaque do clube, mas pelo lado negativo.

Sem conseguir emplacar grandes atuações, o camisa 7 ainda é apontado como o maior responsável pelo vice-campeonato do Palmeiras. Na primeira partida da final, no Allianz Parque, o jogador desperdiçou um pênalti e a chance de ver o Alviverde abrir uma vantagem de 2 a 0 no Santos para o jogo de volta.

Já na finalíssima, na Vila Belmiro, Dudu recebeu um cartão amarelo logo ao três minutos de jogo e antes do intervalo, após confusão na entrada da área com Geuvânio, o atacante recebeu cartão vermelho direto e foi para o chuveiro mais cedo.

Obviamente a expulsão de Dudu prejudicou o Palmeiras no segundo tempo. Faltou velocidade e mobilidade para o ataque Alviverde, função que ele poderia ter feito perfeitamente para ajudar o time, que mesmo assim começou a etapa final muito bem.

Dudu falhou no pênalti, falhou na expulsão – apesar de ter sido uma punição muito dura do árbitro – e ainda não emplacou grandes atuações com a camisa do Palmeiras, mas é um jogador jovem (23 anos), tem qualidade e merece mais uma chance.

Tem idade e tempo de contrato pra isso, mas precisará do apoio do elenco e – principalmente – do torcedor para assumir o protagonismo do Palmeiras.

Dudu não é nenhum craque, mas é um jogador com muita habilidade e se estiver com a cabeça no lugar, pode ser muito importante para o Palmeiras na sequência da temporada.

Foto: Cesar Greco/ Ag.Palmeiras / Divulgação