Orlando City corre risco de não ter seu estádio pronto para temporada 2016 da MLS

Segundo noticiou o site MLS Brasil, governo americano não libera dinheiro público para construção da nova casa do Orlando City e clube corre o risco de ainda não ter estádio pronto para a temporada de 2016 da Major League Soccer, como previsto. Clube ainda não apresentou outro projeto para viabilizar a obra.

LEIA MAIS:
Assis não descarta Ronaldinho na Major League Soccer: “a Liga está bombando”
Juventus troca de fornecedor e renova patrocínio para receber R$ 135 milhões por ano

Quando se trata da entrada de uma nova franquia na Major League Soccer, a Liga, dentre outras coisas, exige um projeto de estádio para que o clube tenha um local para chamar de “casa”. Com o Orlando City, não foi diferente. Mesmo com a opção de assumir os custos de manutenção do Citrus Bowl, estádio local que vem sendo a casa da equipe, a diretoria do clube entendeu que o estádio não supre todas as necessidades da equipe e iniciaram um projeto para a construção de um novo na região central da cidade de Orlando.

O projeto apresentado foi elogiado pela MLS e movimentou toda a comunidade local em uma parceria público-privada para que a obra fosse viabilizada, tendo inclusive o total apoio da prefeitura local que abraçou o novo clube e o reconheceu como uma nova atração e fonte de receita para a cidade. Dos U$ 115 milhões orçados, U$ 30 milhões seriam retirados de cofres públicos.

Porém, a Casa dos Representantes (órgão pertencente ao poder legislativo do Estado da Flórida) não liberou os U$ 30 milhões. Em entrevista ao Orlando Sentinel, o chefe de orçamentos da Casa, Richard Corcoran, não deu muitas esperanças quanto à aprovação: “Não entendo como vocês podem alegar que temos uma crise fiscal na saúde e achar milhões de dólares em subsídios para proprietários bilionários do esporte”.

Para tirar ainda mais as esperanças do Orlando City, a verba está sendo disputada para outras requisições como o Circuito Internacional de Daytona e outras duas equipes esportivas, segundo o canal local de televisão WF.

O Orlando City ainda não apresentou outra alternativa para a viabilizar a obra e agora correm o risco de não ter a nova casa pronta para a próxima temporada da Major League Soccer, em 2016, como previsto. O prazo final para a liberação do dinheiro público foi na última sexta feira, 1º de maio.

Crédito da foto: Divulgação



Jornalista Esportivo formado pelo Mackenzie e pela UCLA com passagem pela Rádio Bandeirantes, fundador do perfil Arquivo do Futebol (@futebolarquivo) e jornalista do MLS Brasil. Escreve para o Torcedores.com desde 2014. Twitter: @paulogcanova