PH Ganso critica postura defensiva do São Paulo em eliminação

Enquanto Rogério Ceni saiu sem dizer quase nada do gramado do Mineirão, após a eliminação do São Paulo para o Cruzeiro, nas oitavas-de-final da Libertadores, PH Ganso demonstrou sua insatisfação com a postura do time em campo.

LEIA MAIS:
Ceni confirma: derrota para o Cruzeiro foi sua despedida na Libertadores
Rogério Ceni se despede da Libertadores com três títulos na bagagem

O jogador, que teve atuação bastante discreta ao longo do jogo, mas foi competente e converteu sua cobrança, nos pênaltis, foi breve em sua análise: “a gente não fez uma boa partida. Mesmo assim, conseguimos levar para os pênaltis. Pênaltis é isso”, explicou.

“Ficamos muito na defesa, poderíamos ter atacado mais. Tivemos espaço, mas não fizemos”, lamentou-se na sequência, visivelmente contrariado. De fato, o São Paulo pouco atacou o Cruzeiro na noite desta quarta-feira. O time finalizou apenas três vezes para o gol, nenhuma delas com perigo, cenário totalmente oposto ao da semana passada.

A omissão do São Paulo foi castigada aos nove minutos do segundo tempo, após Leandro Damião completar para o gol uma bela trama do ataque cruzeirense. Nos pênaltis, a Raposa se saiu melhor, após Souza, Luis Fabiano e Lucão desperdiçarem suas cobranças. Além de PH Ganso, Rogério Ceni e Centurión converteram para o Tricolor.

Foto: Divulgação / São Paulo FC



Tudo o que preciso é um papel e uma caneta. Apaixonado por esportes desde 1900 e bolinha: de futebol, basquete, tênis, rugby...