Segundo jornal, Globo estuda acabar com jogos às 22h após Copa América

mercado
Getty Images

A notícia que muitos torcedores queriam ler um dia na vida, apareceu na manhã deste sábado (23) no jornal “O Estado de S. Paulo”: a Globo, detentora dos direitos de transmissão de todos os campeonatos de futebol do país, tem estudado, junto com a CBF, a possibilidade de acabar com os jogos às 22 horas de quarta-feira.

LEIA MAIS:
Rodrigo Rodrigues está de volta à ESPN
ESPN renova direitos de transmissão do Campeonato Alemão até 2018

De acordo com a publicação, o principal motivo é a queda de audiência que as atrações do meio de semana têm apresentado. Somente na última quarta-feira (20), no jogo entre Sport x Santos, pela Copa do Brasil, a audiência da emissora caiu pela metade, em comparação a outras épocas.

A eliminação de São Paulo e Corinthians da Libertadores, times e competição que costumam ter mais apelo junto ao público, também têm influência para a atitude da emissora, mas é o que tem menos peso. Na verdade, a Globo também gostou do horário “alternativo” testado pela CBF neste ano, com jogos às 11 horas da manhã de domingo. A iniciativa mostrou-se atrativa para os torcedores e faz com que a emissora pense também em oferecer atrações em sua grade em outros dias da semana, além da tradicional quarta-feira.

Esses jogos que começam às 22 horas das quartas-feiras só são veiculados neste horário por conta da grade de programação da Globo, que privilegia o Jornal Nacional, que começa às 20h30 e a novela das 21h, fazendo com que ela, detentora dos direitos, decida qual horário lhe é mais conveniente exibir as partidas.

Foto: Getty Images



Tudo o que preciso é um papel e uma caneta. Apaixonado por esportes desde 1900 e bolinha: de futebol, basquete, tênis, rugby...