Wesley fala em “vontade excepcional” perto de estreia pelo São Paulo na Libertadores

Rubens Chiri/saopaulofc.net

O meio-campista Wesley finalmente poderá estrear na Copa Libertadores pelo São Paulo. Preso por contrato ao Palmeiras até o dia 28 de fevereiro deste ano, o jogador perdeu o prazo de inscrições da primeira fase e teve que esperar até o mata-mata para ter condições de jogo na competição continental.

LEIA MAIS
São Paulo pode ter recorde de público contra o Cruzeiro

Perto de enfrentar o Cruzeiro, na próxima quarta-feira (6), o são-paulino falou sobre a expectativa por entrar em campo e defender as cores do time do Morumbi na competição, que é a preferida do torcedor tricolor.

“Em se tratando de Libertadores, a disputa é maior. A qualidade técnica às vezes fica um pouco de lado e a vontade aparece de maneira excepcional. O Cruzeiro, independentemente das mudanças que sofreu, tem um time qualificado. A equipe demonstrou muita vontade contra o Corinthians (2 x 0), na fase de grupos, o que foi importante”, disse o meio-campista.

Wesley pode estrear como titular na vaga de Hudson, que cumpre suspensão pelo terceiro cartão amarelo. É a chance que o jogador precisava para, quem sabe, se firmar no time titular do Tricolor.

“Estou tranquilo, não tenho problemas. Todos me receberam muito bem, o que ajudou bastante. Estou demonstrando minha qualidade no dia a dia. Vim aqui para somar, sabendo que temos uma equipe com grande qualidade. Independente de quem for escalado, precisamos estar unidos para buscar a vitória. É complicado esperar. A gente fica ansioso, o que é natural. Tinha sempre a esperança que a equipe se classificaria, e isso aconteceu. Agora, é com seriedade total para dar mais um passo diante do Cruzeiro”, concluiu.

Foto: Rubens Chiri/saopaulofc.net



Editor do Torcedores.com, está no site desde julho de 2014. Repórter e apresentador da TV Torcedores. Formado pela Universidade Metodista de São Paulo, já passou por UOL, Editora Abril e Rede Record. Participou da cobertura da Copa do Mundo de 2014, de dois Pans, dos Jogos Olímpicos de Londres 2012 e do Rio 2016.