Bom momento no Grêmio e ida à seleção ajudaram Marcelo Grohe a fechar um bom patrocínio

Foto: Lucas Uebel/Grêmio FBPA

Normalmente, os atletas de linha são os mais midiáticos. Os goleiros costumam ter pouca visibilidade e sofrem para conseguir fechar contratos de patrocínio. Vivendo a melhor fase da carreira, o gremista Marcelo Grohe, reserva da seleção brasileira na Copa América, firmou em abril um interessante vínculo com a Umbro, que curiosamente é a mesma fornecedora esportiva do Grêmio.

Após o termino de contrato com a Poker no final do ano passado, Grohe assinou compromisso com a gigante inglesa. O atleta usa as chuteiras UX-1 e Velocita e as luvas Neo, desenvolvidas pela fornecedora. Há pouco mais de dois meses, o gerente de Sports Marketing da Umbro, Eduardo Dal Pogetto, celebrou o acordo com o arqueiro.

“Nossa estratégia é sempre buscar nomes de destaque, que representem a mesma garra da marca Umbro. Firmar essa parceria com o Marcelo Grohe, goleiro de alto nível, é uma excelente oportunidade, para evidenciar o quanto somos apaixonados por futebol”, disse.

De acordo com o repórter JB Filho, os valores oferecidos pela Umbro foram muito bons, acima da média do mercado. No antigo acordo com a Poker, ele recebia um valor bem baixo de R$ 500 e mais o material de graça para usar as luvas da marca.

foto: Lucas Uebel/Grêmio FBPA



Rafael Alaby é jornalista diplomado pela FIAM (Faculdades Integradas Alcântara Machado), com passagens pela Chefia de Reportagem de Esportes, da TV Bandeirantes, em São Paulo e site KiGOL. Pós-graduado em Jornalismo Esportivo e Negócios do Esporte (FMU)