Exame aponta fratura em costela de Aldo e gera conflito com posição do UFC

Getty Images

A lesão sofrida pelo lutador brasileiro José Aldo ainda causa conflito no mundo do MMA. Inicialmente, a notícia era que o campeão dos penas havia fraturado a costela, porém, o UFC divulgou nota afirmando que se tratava de uma lesão de menor gravidade. Neste sábado, o site MMA Fighting noticiou que um laudo confirmou a fratura.

De acordo com o veículo especializado em MMA, o técnico de Aldo, Dedé Pederneiras, revelou o conflito entre as avaliações feitas por médicos brasileiros e norte-americanos.

“Não sou médico para dizer qual é o correto. O que sei é que uma lesão de costela é muito dolorosa. Ele está usando anti-inflamatório e vamos ver se melhora. A luta está em pé, e vamos checar novamente na próxima semana”, afirmou.

Aldo está escalado para defender o cinturão contra Conor McGregor no UFC 189, marcado para o dia 11 de julho, em Las Vegas. Apesar de seguir no card, o manauara não está confirmado e Chad Mendes está de sobreaviso.

“Ele está em tratamento. Tomou injeções e está usando tratamento com plasma. Eles tiram seu sangue, usam só o bom plasma e injetam na lesão. A luta está a 15 dias de distância. Os médicos dizem que ele melhorará dia após dia. Mas ainda não podemos dizer como ele se sentirá lá”, revelou.

Dedé só colocará seu principal lutador para entrar no octógono caso Aldo esteja 100% fisicamente, o que só será avaliado com a evolução das dores no local. Por enquanto, o mistério sobre o esperado combate seguirá.

Crédito da foto: Getty Images



Editor senior do Torcedores.com, o jornalista formou-se na Universidade Metodista em 2009 e passou pelas redações do Diário do Grande ABC, Agora SP, UOL e Fox Sports, onde fez a cobertura da Copa do Mundo de 2014. Está no Torcedores desde outubro de 2014.