Gylmar dos Santos Neves: Ídolo e o primeiro goleiro multi-campeão do Brasil

Gylmar é citado como um dos maiores goleiros do futebol brasileiro, e conquistou quatro títulos mundiais: Dois de seleções (1958 e 1962) e dois em clubes (1962 e 1963, pelo Santos)

O goleiro nasceu no dia 22 de agosto de 1930, na cidade de Santos e teve carreira meteórica, quando começou no modesto Jabaquara de Santos, se transferindo no mesmo ano para o Corinthians.

LEIA MAIS:
Wagner Ribeiro anuncia parceria com Lucas Lima
Luciano e Malcom formam jovem dupla de ataque do Timão

É muito difícil um goleiro ter história com a camisa de dois clubes grandes paulistas, mas Gylmar teve, sendo destaque na equipe do Corinthians durante os anos 50.

Um dos maiores destaques foi a conquista da Taça IV Centenário, em 1954, no ano em que a cidade de São Paulo completa 400 anos de existência.

Depois de defender as traves do Santos durante 10 anos (de 1951 a 1961) e ser destaque na conquista da Copa do Mundo, em 1958, sendo goleiro titular da Seleção comandada por Vicente Feola, Gylmar foi para o Santos em 1962, onde terminou o ano com dois dos maiores títulos da história do clube: A 1ª Libertadores e o 1º Mundial conquistado por uma equipe brasileira, em 1962.

Além disso, foi novamente titular da Seleção brasileira na conquista do bicampeonato mundial, na Copa do Mundo do Chile.

No ano seguinte, nova dobradinha pelo Santos: Libertadores e Mundial. Gylmar atuou no Santos até o ano de 1969, quando se aposentou, e até hoje é lembrado como um dos maiores goleiros da história do futebol brasileiro.

Gylmar morreu no dia 23 de agosto de 2013, após sofrer um infarto.

Confira diversos momentos de Gylmar, um dos maiores goleiros do futebol brasileiro:

Crédito da foto: Reprodução/YouTube



Jornalista de 29 anos, com passagens em diversos sites como UOL Esporte, Trivela, Fanáticos por Futebol, Doentes por Futebol e revistas como IstoÉ 2016. Atualmente, é comentarista na Rádio Trianon 740AM SP.