“Jon Jones vai usar cocaína novamente”, diz lutador brasileiro que se livrou do vício

Crédito da foto: Getty Images

O ex-campeão dos meio-pesados (93kg) do UFC, Jon Jones, se envolveu em uma série de polêmicas neste ano. Uma das maiores foi a divulgação de que ele foi flagrado em exames antidoping por uso de cocaína em janeiro, antes da luta contra o americano Daniel Cormier. Por mais que afirme que usou a droga de forma esporádica, Jon Jones vai usar cocaína novamente. Esta é a opinião do lutador brasileiro Paulo Filho.

LEIA MAIS:
Com nomes errados e gafes, Reebok apresenta novos uniformes do UFC

Em entrevista à revista “Tatame”, Paulo Filho falou também de sua própria experiência com a cocaína. Um dos melhores lutadores brasileiros de MMA – ficou invicto nas sete lutas que fez no Pride entre 2004 e 2006 e foi campeão dos médios (84kg) do World Extreme Cagefighting -, Paulo Filho teve problemas com cocaína. Por isso, afirma que Jon Jones voltará a usar a droga.

“O Jon Jones tem a mesma doença que eu. Temos uma fragilidade genética para ingerir qualquer tipo de substância. Você usa uma vez e não consegue mais viver sem. Uma hora ou outra ele (Jones) vai usar novamente”, falou o brasileiro.

Jon Jones foi destituído do cinturão dos meio-pesados do UFC em abril, após se envolver em um acidente polêmico de carro na cidade de Albuquerque, nos Estados Unidos. Ele fugiu do local sem prestar socorro à vítima, uma mulher grávida que quebrou o braço. Jon Jones chegou a ser detido pelo episódio, em que também esteve envolvido com drogas – no carro utilizado pelo lutador, foram encontrados vestígios de maconha.

Crédito da foto: Getty Images



Jornalista, editor do Torcedores.com. Passagens pelos jornais Metro, O Estado de S. Paulo, Jornal da Tarde, Marca Brasil, Agora São Paulo, Diário de S. Paulo e Diário do Grande ABC.