Opinião: Flamengo e Corinthians tem mais com o que se preocupar do que discutir na internet

Reprodução/Facebook

O Flamengo divulgou uma imagem em seu Facebook com uma frase que a torcida do Corinthians costuma utilizar (Eu nunca vou te abandonar) e foi ironizado pelo clube paulista nas redes sociais. O Flamengo respondeu a ironia, mas o time de Parque São Jorge insiste e responde mais uma vez. A pergunta é: Será que os dois clubes estão e condições de ficar trocando farpas nas redes sociais, enquanto os clubes fervem internamente?

LEIA MAIS:
Mercado da bola: Porto teria feito proposta por Marcelo Cirino, diz colunista

Uma discussão boba, por causa de uma frase solta. Algo simples que vai tomando conta dos noticiários e de certa forma chamando a atenção de torcedores de Flamengo e Corinthians nas redes sociais. A tal frase seria realmente um motivo forte para incomodar flamenguistas e corintianos ao ponto de estarmos pelo terceiro dia da semana falando sobre algo tão banal, comparado com o momento que as equipes passam?

Tudo bem que Flamengo e Corinthians vivem uma certa rivalidade por serem os clubes que tem a maior parte de torcedores do Brasil. Ambos possuem a camisa mais valiosa país, são os que recebem a maior quantia de cotas de TV, os times mais comentados pela mídia  etc… Mas será que é o momento para essa discussão, ou não seria algo ideal para tirar o FOCO dos problemas que ambos os clubes estão passando, que são enormes perto da proporção que tomou uma birra por uma frase? E vale lembrar, que enquanto trocam farpas nas redes sociais, os presidentes de ambos os clubes são amigos.

O foco do Flamengo deveria ser apenas a recuperação do time no Campeonato Brasileiro. Os jogadores não estão correspondendo dentro do campo. A nítida falta de comprometimento incomoda e muito os torcedores. Vale lembrar que o elenco está  com salários em dia, o que não é um bônus, mas uma obrigação, que não é cumprida por muitos clubes. O Flamengo deveria estar focado sim em resolver esse problema internamente, ao invés de bater boca com seu rival paulista por algo tão pequeno.

Não deveria ser diferente no Corinthians. Ao contrário do rubro-negro carioca, a sétima posição na tabela não é tão ruim, mas os salários atrasados (que seja direito de imagem) e as contas pendentes que estão para vencer deveriam ser o foco do clube. A discussão com o Flamengo por causa de uma frase utilizada por sua torcida é muito pequena perto dos problemas que se tem para solucionar. Ao invés de querer mídia por uma frase, o clube paulista deveria estar mobilizando a torcida e mostrando planos e estratégias para cumprir as obrigações assumidas por quem comanda o Timão. O foco agora teria que ser reformular o elenco por causa da crise financeira e arcar com a obrigação que assumiu, que é pagar pela Arena Corinthians.

O futebol brasileiro pode e deve ter essas rivalidades. Flamengo e Corinthians são os clubes perfeitos para isso, mas não nesse momento. Primeiro eles devem ocupar a posição que lhes cabem, que é no alto da tabela e com suas obrigações cumpridas. Aí sim, seria até gostoso ver esse tipo de provocação, que o futebol precisa e tem cada dia menos.

Que Flamengo e Corinthians voltem a discutir nas redes sociais, mas para saber quem é líder, quem ganhou mais títulos na temporada, quem teve o artilheiro, quem tem o melhor jogador. É isso que as maiores torcidas do Brasil querem e merecem.

Curtiu essa matéria? Siga o autor no Twitter: @allanmadi.