Palmeiras, que revelou Leandrinho, está prestes a acabar com time de basquete

Sem patrocínio, basquete adulto do Palmeiras fica por um fio de acabar - Foto: Divulgação/ LNB

Campeão brasileiro em 1977 e 12 vezes campeão paulista. Esse é o breve histórico de um time que está prestes a fechar as portas. Esse é o Palmeiras, que ostenta no futebol com contratações do técnico Marcelo de Oliveira e o paraguaio Lucas Barrios mas esquece dos tempos de gloria de outro esporte. As especulações do fim do basquete no Clube são grandes, mas ainda não foram confirmadas. Segundo a Liga Nacional de Basquete (LNB), as equipes têm até o dia 7 de julho para definir se participam ou não da oitava edição do NBB, quando acontece uma assembleia geral entre os times e a Liga.

LEIA MAIS
Exclusivo: recém convocado e eleito o melhor armador do NBB7, Ricardo Fischer fala sobre o 1° Pan
Brasil terá que quitar dívida até 31 de julho para ter vaga olímpica no basquete, diz Fiba
 

A assessoria do Palmeiras deixou claro que a situação ainda não está definida, mas que o time de basquete precisa de um novo patrocinador para continuar sonhando com a participação no NBB8 e o título do campeonato. “O contrato com a antiga patrocinadora não foi renovado e o Clube está em busca de um novo parceiro para arcar com os custos da modalidade sem onerar o futebol. Assim que houver uma definição, o Palmeiras comunicará via Site Oficial”, afirmou a assessoria do Clube.

O fechamento do time adulto de basquete do Palmeiras seria uma surpresa. Nos três anos que disputou o Novo Basquete Brasil (NBB), o time cresceu. Em sua primeira participação, em 2012/2013, os alviverdes não conseguiram nem passar da 1ª fase. Já nas temporadas seguintes, ele chegaram às oitavas-de-finais, mas foram barrados pelo São José e pelo Franca. Porém, as séries foram equilibradas e finalizadas em cinco jogos e por pouco, os palmeirenses não viraram contra o tradicional Franca.

O Palmeiras fez grande parte da história do 2° brasileiro jogador brasileiro campeão da NBA, Leandrinho Barbosa. Foi na base do alviverde que o jogador deu seus primeiros passos ao profissional. Em 1998, entrou em quadra pela primeira vez com a camisa alviverde do time adulto e foi considerado, na época, o mais jovem jogador a usar a camisa do time. Além dele, passaram por lá o ex-técnico da seleção masculina de basquete Lula Ferreira. E, recentemente, alguns jogadores se destacaram no time, como o armador Neto, votado entre os Jogadores que Mais Evoluiram do NBB7, e os norte-americanos Maxi Stanic e Steven Toloy, que disputaram o Jogo das Estrelas com os melhores jogadores do NBB.

Mas, o Palmeiras não é o único time a ficar de fora do NBB8. Uberlândia e São José, ambos vice-campeões do campeonato em 2013 e 2012 (respectivamente), também estão prestes a anunciar sua saída do NBB. E em todos os casos faltam verbas para continuar as atividades.

Toda essa inconstância nos times acontece a menos de um ano do início da parceria entre a LNB e a NBA. A Liga Nacional vive um bom momento com as transmissões dos jogos no SporTv e no site da LNB, as participações ilustres de cheerleaders e mascotes da NBA e as trocas de experiências com fisioterapeutas e técnicos da liga norte-americana.

Foto:  Divulgação/ LNB



Jornalista pós-graduada em jornalismo esportivo e apaixonada pelo basquete desde os 11 anos de idade, independente do campeonato e da nacionalidade.