Passarinho invade jogo de Djokovic em Wimbledon e “ganha” conta no Twitter

Djokovic
Getty Images

Como é de costume, o atual campeão Novak Djokovic abriu a programação da Quadra Central de Wimbledon no primeiro dia de jogos da chave principal. O sérvio não perdeu tempo e avançou à segunda rodada com vitória frente ao alemão Philipp Kohlschreiber por 3 sets a 0, com parciais de 6/4, 6/4 e 6/4. Mas o que mais surpreendeu o público inglês não foi a atuação do número 1 do mundo, porém um convidado para lá de especial que “invadiu” a grama sagrada e interrompeu a partida por segundos.

LEIA TAMBÉM:
De novo! Bellucci não dá sorte e desafia Nadal na estreia de Wimbledon
Wawrinka não poderá usar bermuda de “pijama” em Wimbledon. Sabe por quê?
Wimbledon inova e é o primeiro torneio a probir celulares

Logo no primeiro game de jogo, um passarinho entrou de gaiato e passeou sem querer incômodo na quadra. O público gargalhava com a cena e até Djokovic, que não sabia o que fazer. Um dos boleiros tirou o bichinho da área de jogo em seguida e a partida teve prosseguimento. Mas o sucesso da pequena ave já tinha sido feito e ganhou repercussão logo em seguida.

No meio da partida, criaram uma conta para o passarinho no Twitter, a @CentreCourtBird (Pássaro da quadra Central, na tradução), e a todo momento surgiam posts nas redes sociais, indicando que sua “torcida” era para o tenista alemão. Veja só o primeiro post da conta no microblog: “Adorando as ações na Quadra Central. Vamos, Kohlschreiber! #quadracentral #wimbledon2015”.

TUDO SOBRE WIMBLEDON
Uma curiosidade de Wimbledon é o uso de falcões Rufus, uma das aves mais populares da Grã-Bretanha, para afugentar os pombos da área do complexo do All England Club, em Londres, onde é disputado o torneio mais tradicional do tênis. Em 2012, Rufus foi sequestrado e ficou desaparecido por três dias até que foi encontrado abandonado em sua gaiola de transporte. A ave é tão prestigiada que tem até conta no Twitter e Facebook

Curtiu a matéria? Siga o autor no Twitter: @fontes_matheus.
Facebook: Matheus Martins Fontes.

Foto: Getty Images



Esportista de hobby, mas jornalista de profissão. Trabalhou como repórter do O Estado de S. Paulo, Revista TÊNIS. Tênis Virtual e CurtaTÊNIS em coberturas nacionais e internacionais de grandes eventos.