Vídeo com resposta a repórter que detonou esportes femininos ganha destaque no SporTV

O apagamento da Copa do Mundo de Futebol Feminino na mídia virou assunto lá fora também: Amy Poehler e Seth Meyers falaram disso no Late Night with Seth Meyers.

Posted by Empodere Duas Mulheres on Segunda, 29 de junho de 2015

No sábado (27), durante a transmissão de Japão x Australia, válido pelas quartas de final da Copa do Mundo Feminina 2015, o SporTV2 finalmente abriu espaço para uma das principais discussões que vem tomando conta do extra-campo do torneio: a negligência e o preconceito em relação ao futebol feminino por parte da mídia e de seus telespectadores.

No intervalo do jogo, o canal mostrou um vídeo do programa norte-americano “Late Night with Seth Meyers”, no qual o apresentador Seth e a atriz Amy Poehler rebatem, de forma bem humorada e incisiva, um comentário machista que havia sido publicado dias antes por um colaborador do veículo Sports Illustrated em seu perfil no Twitter.

O tuíte do jornalista Andy Benoit afirmava que todos os esportes praticados por mulheres não valiam a pena ser assistidos. O comentário infeliz surgiu como resposta a um outro tuíte do também colaborador da Sports Illustrated, Mark Mravic, no qual ele publicou um golaço de fora da área da zagueira inglesa Lucy Bronze e marcou Benoit dizendo “E ainda tem quem diga que não vale a pena assistir futebol feminino”.

AndyBenoit_twitter
Reprodução/Twitter

No programa, Seth e Amy, antigos colegas de palco no famoso Saturday Night Live, mandam uma sequência de cutucadas irônicas e divertidas para mostrar que o problema não está nas modalidades femininas, e sim na forma como a imprensa trata (ou destrata, no caso) as suas atletas.

Sério, Andy Benoit? Sério que não tem nada nos esportes femininos que valha a pena ser assistido? Eu acho que o que muitas pessoas adorariam assistir seria você dizendo isso à Serena Williams.

Eu não me surpreendo que você trabalhe para a Sports Illustrated [um veículo focado em esportes], já que vocês produzem todo ano um especial dedicado a mulheres que não praticam esportes. A não ser que vocês considerem um esporte o fato de alguém conseguir cobrir ambos os seios com apenas um braço.

Os apresentadores ainda aproveitaram o espaço para convidar os telespectadores a assistirem ao próximo jogo que seria disputado pelos Estados Unidos na Copa, contra a China, pelas quartas de final (Resultado: EUA 1×0 China).

Ponto para eles, e ponto para a SporTV2 por ter dado visibilidade ao assunto. Esperamos que iniciativas como essa deixem de ser exceção e virem parte do dia a dia do jornalismo brasileiro. Afinal, é o que se espera dos profissionais responsáveis por informar e formar opinião de milhões de pessoas.