8 motivos para o Corinthians já ter vendido Alexandre Pato

Agência Corinthians

Em janeiro de 2013, o Corinthians anunciou a contratação do atacante Alexandre Pato. O time paulista e o Milan acertaram o contrato em 15 milhões de euros e com a compra o Corinthians acabou pagando o Pato. Em fevereiro do ano seguinte, em um acordo, o Corinthians emprestou o jogador ao São Paulo FC em troca, Jadson foi cedido ao time e o salário de Pato é dividido entre os dois clubes. Corinthians vem pagando metade dos rendimentos de Pato e assim deverá faze-lo até o fim de 2015, porém o seu contrato com o clube é de até 2016, o prazo de dezembro de 2015 é referente ao empréstimo. O atacante pode ser negociado a qualquer momento com outro clube, desde que o Corinthians receba uma proposta. Embora o clube arque com metade de seus vencimentos, o atacante não vem medindo palavras para falar do clube, irritando diversas vezes torcedores e diretoria. Confira 8 motivos pelos quais o Corinthians já deveria ter vendido o atacante. 

1 – Pato declarou torcer pelo Guaraní-PAR durante a Libertadores.

Em meio as oitavas de final da Copa Libertadores, Pato foi questionado no programa Bem Amigos de Galvão Bueno sobre pra quem iria sua torcida no confronto ele disse: – Guaraní. Estou na torcida porque, se eu chegar em uma final, vou poder jogar – disse ao ‘Bem, Amigos!’

Link e vídeo: http://sportv.globo.com/site/programas/bem-amigos/noticia/2015/04/com-o-sao-paulo-na-libertadores-pato-nao-esconde-torcida-contra-o-timao.html

2 – Pato entra na justiça para rescindir contrato com o Corinthians;

Seu advogado, João Henrique Chiminazzo alegou que o atacante não recebe parte dos direitos de imagens , afirmou que é parte do salário e que há mais três meses o recolhido corretamente do FGTS não seria feito e sendo assim o vínculo profissional do jogador  deveria ser encerrado rapidamente. O pedido foi indeferido.

http://blogdobirner.virgula.uol.com.br/2015/06/11/pato-entra-com-acao-para-rescindir-contrato-com-o-corinthians/

3-Pato enaltece Amarilla e elogia sua atuação em jogo polêmico do Corinthians;

O árbitro teve uma contestada atuação no jogo em que o Corinthians foi eliminado pelo Boca Juniors em 2013, na ocasião Amarilla anulou um gol legal e ainda assinalou um penalti que não houve. O caso veio a tona novamente este ano em que o juiz foi acusado de participar de um grande esquema, Pato porém, disse: “Ele apitou um jogo muito seguro contra o Boca. Foi muito seguro nas faltas, em momentos que poderiam ter polêmicas. Ele foi muito bem e fez o seu papel”, afirmou.

http://torcedores.com/noticias/2015/05/pato-exalta-carlos-amarilla-e-afirma-que-ele-foi-muito-bem-em-jogo-polemico-do-corinthians

4 – O elenco já demonstrou que não há clima para a volta;

Diante das declarações feitas pelo atacante, nem mesmo o elenco tem se segurado para falar do jogador. O goleiro Cassio já deixou claro que não gostou de algumas declarações feitas por Pato e disse: “não há mais clima para a volta. Além disso, após vitória de 3 a 2 do Corinthians sobre o atual time do jogador, o corintiano Gil, teria tirado sarro do jogador nas redes sociais postando: Chupa Pato. Posteriormente, o post foi apagado.

http://torcedores.com/noticias/2015/06/pato-nao-tem-clima-para-voltar-ao-corinthians-diz-cassio 

http://torcedores.com/noticias/2014/09/classico-no-instagram-jogadores-de-sao-paulo-e-corinthians-trocam-farpas-na-web

5-  Mesmo impedido por contrato, tentou brechas para jogar contra o Timão; 

“É complicado, eu quero jogar. Vamos ver se essa cláusula pode dar alguma brechinha aí”, disse, ao deixar o gramado, após a vitória do São Paulo por 5 a 0 diante do Bragantino.

http://www.foxsports.com.br/noticias/189269-sao-paulo-alexandre-pato-tenta-brechinha-para-poder-atuar-contra-o-corinthians-libertadores

6- Presidente se arrepende e diz que reza para o vender o jogador;

O presidente do clube, Roberto de Andrade, afirmou em entrevista a Fox Sports que até “reza” ´para conseguir vender o jogador. “Todo mundo sabe que o Corinthians pretende (realizar a venda), quer e reza dia e noite para vender o Pato. Ano que vem tem que se apresentar, ele tem que respeitar o que ele assinou. Paciência. As escolhas são dele, não minhas”, disse o presidente. Na mesma entrevista ainda confirmou estar arrependido. “Óbvio que estou arrependido olhando o resultado. Na época, a maioria dos críticos era a favor. Reunia todos os ingredientes para dar certo. Não deu. A culpa de não ter dado certo é 100% do atleta. Tudo que podia ser feito para deixar ele a vontade tecnicamente foi feito. Agora no São Paulo, teve lampejos de grandes partidas, mas a média técnica ficou baixa”, disse o presidente.

http://torcedores.com/noticias/2015/06/roberto-de-andrade-diz-que-reza-para-vender-alexandre-pato

7- Andrés, crava. “Se o Pato voltar, a gente empresta ele pro Bragantino”;

Formalizando o clima ruim, entre time e jogador. Em entrevista ao jornal Dário de São Paulo, Andrés Sanches o superintendente do clube disse que caso não surja proposta de 10 milhões de euros até o início do ano que vem, o Timão vai emprestá-lo para o Bragantino, parceiro alvinegro desde março e a quem o Corinthians tem emprestado diversos jogadores da base. Reforçando que se a venda aconteça, no clube ele não fica.

http://torcedores.com/noticias/2015/07/se-o-pato-voltar-a-gente-empresta-para-o-bragantino-diz-andres-sanchez

8 – O jogador por sua vez, também deixou claro: “Estou no São Paulo. Corinthians e Andrés não são importantes”.

Parece briguinha de escola. Mas o clima ruim só comprova que não há mais clima para o jogador no clube. Na mesma coletiva, Alexandre, completou sobre a declaração do presidente do Bragantino sobre criar um “X-Pato” em homenagem ao jogador, caso ele vá para o Bragantino, Alexandre Pato respondeu “Se ele mandar lá para casa alguns, seria ótimo. Mas para competir com o da minha empregada seria difícil. Não vou mudar o gosto que tenho pelo dela”.

http://torcedores.com/noticias/2015/07/pato-diz-que-so-pensa-no-sao-paulo-corinthians-e-andres-nao-sao-importantes

Imagem: Agência Corinthians

* Curtiu esta matéria? Siga a autora no Twitter: @ba_scarelli

 



Formada em jornalismo pelo Mackenzie, demorei anos para perceber que dá, sim, para ir atrás dos sonhos e trabalhar com o que se gosta: o esporte. Hoje me divido entre o esporte e a política. Nunca vou me conformar com os que dizem: "É só futebol.."