Capitão do Tri, Carlos Alberto Torres foi genial e autor de gol histórico

Copa
Reprodução/Facebook

Carlos Alberto Torres foi genial, lateral-direito firme e muito jogava além dos outros de sua época. Ou seja, fez história.

Jogou no Santos de Pelé, foi pentacampeão paulista, mas não fez parte do time que foi bicampeão do mundo. Levantou a taça da Copa do Mundo de 1970 e ficou marcado como o capitão do tri, aquela seleção dos cinco camisas dez que encantou o mundo.

Quando terminou a carreira, virou treinador dos principais clubes do Brasil e campeão brasileiro pelo Flamengo em 1983.

No exterior foi treinador da seleção de Omã e Azerbaijão, e clubes na Colômbia e México. O seu último clube foi o Paysandu em 2001.

Desde então, é comentarista do canal a cabo SporTV, sempre com opiniões fortes e com credibilidade. Ao comentar a eliminação da seleção brasileira na Copa América de 2015, o capita não poupou ninguém e chegou a chamar Roberto Firmino de “jogador de pelada”.

Crédito da foto: Reprodução/Facebook



sou uma pessoa muito ativa e amo esporte