Especial: O mau momento de grandes estrelas do UFC

NEWARK, NJ - APRIL 18: Luke Rockhold and Lyoto Machida of Brazil grapple in their middleweight bout during the UFC Fight Night event at Prudential Center on April 18, 2015 in Newark, New Jersey. (Photo by Alex Trautwig/Getty Images)

Eles já foram dominantes no UFC, campeões, ou, ao menos, desafiantes perigosos com chances reais de título no octógono mais famoso do mundo. Atualmente, não são nem sobra do que já foram, mas estão em busca de um recomeço na carreira.

LEIA MAIS:
Lyoto Machida se recupera de cirurgia e não tem previsão de volta no UFC
Shogun e Minotouro se enfrentam no Rio por uma chance de renascimento
Opinião: Minotauro deveria começar a pensar em aposentadoria
Glover chegou a desafiar Jon Jones, mas hoje tenta se manter no topo dos meio-pesados
Em queda livre, Pezão faz “luta de sobrevivência” no UFC 190
Ex-campeão do Strikeforce, Melendez não engrenou no UFC
Lesões afundaram momento de Dominick Cruz no UFC
Após nocaute fulminante, Dan Henderson tenta ressurgir no UFC

Lyoto Machida, Maurício Shogun, Rodrigo Minotauro, Rogério Minotouro, Antônio Pezão e Glover Teixeira são os brasileiros que vivem mau momento no UFC. Lyoto, Shogun e Minotauro já foram campeões na organização, enquanto Glover e Pezão já foram desafiantes ao cinturão. Irmão de Minotauro, Minotouro não está em boa fase, assim como os compatriotas.

A crise não atinge somente os lutadores brasileiros. Os americanos Gilbert Melendez, Dan Henderson e Dominick Cruz também estão em baixa, seja por causa de lesão (caso de Cruz, ex-campeão do peso galo) ou por derrotas seguidas, como é o caso de Melendez. Confira como estão as carreiras desses lutadores e os próximos desafios que podem reerguer os atletas e deixá-los em alta.

Crédito da foto: Getty Images



Jornalista, editor do Torcedores.com. Passagens pelos jornais Metro, O Estado de S. Paulo, Jornal da Tarde, Marca Brasil, Agora São Paulo, Diário de S. Paulo e Diário do Grande ABC.