Gilmar Rinaldi descarta trocar Dunga por técnico estrangeiro: “Não é o momento”

Getty Images

Gilmar Rinaldi, coordenador da seleção brasileira de futebol, participou nesta quarta-feira (01) do programa Seleção Sportv, do Sportv, apresentado por Marcelo Barreto, e respondeu a quase todas as perguntas durante os 90 minutos em que esteve no ar.

LEIA MAIS:
Após goleada da Argentina, apresentador se vê aliviado pela eliminação do Brasil
Geração headfone está afastando torcedor da seleção, diz comentarista

Dentre as questões abordadas por Rinaldi, uma que chamou bastante a atenção foi referente à necessidade de mudança no comando técnico da seleção brasileira, isto é, Dunga deve ou não permanecer no cargo? E, se ele sair, não seria a hora de um treinador estrangeiro assumir o cargo em seu lugar? Gilmar Rinaldi descartou ambas situações:

“Eu acho que não é o momento de estrangeiro. Pergunto muito, questiono muito, procuro estudar, entender, mas não acho que daria certo. Acho que tem que mudar muita coisa no futebol brasileiro”, explicou Gilmar Rinaldi.

O desejo de que um técnico estrangeiro assuma a seleção brasileira é antigo. Desde a saída de Mano Menezes isso é debatido, mas a CBF é contra e parece não estar disposta a trocar Dunga por um gringo.

Foto: Getty Images