Hamilton supera Williams e a chuva para vencer na Inglaterra

Em uma das melhores corridas do ano, Lewis Hamilton venceu o Grande Prêmio da Inglaterra de Fórmula 1, disputado na manhã deste domingo (5), no circuito de Silverstone. O bicampeão, que com a vitória igualou a marca de Niki Lauda, Michael Schumacher e Jack Brabham, com três triunfos no traçado inglês, chegou a cair para a terceira posição, mas assumiu a liderança na primeira rodada de pit-stops e a chuva para garantir a primeira posição.

LEIA MAIS:
Em Silverstone, Hamilton fatura sua oitava pole position no ano

Nico Rosberg foi o segundo colocado, após passar boa parte da corrida na quarta colocação, atrás dos dois carros da Williams. O alemão se aproveitou da chuva para conseguir superar Felipe Massa e Valtteri Bottas. O pódio contou ainda com Sebastian Vettel, da Ferrari, que também contou com a pista molhada e uma melhor tática para alcançar o terceiro posto.

Um dos grandes nomes da corrida, Felipe Massa teve de amargar uma quarta colocação. O brasileiro assumiu a liderança da corrida na largada e se manteve por lá até a 20ª volta, quando foi superado por Hamilton na primeira janela de paradas nos boxes. Com a chuva e o mal desempenho da Williams – que demorou para chamar o brasileiro aos boxes – neste tipo de piso, o vice-campeão de 2008 perdeu o lugar no pódio.

Valtteri Bottas, que pressionou Massa por mais da metade das 52 voltas da prova, também sofreu com a pista molhada e terminou na quinta colocação. O finlandês se destacou no início da prova, ao tentar superar Hamilton na largada e, depois, ao ultrapassá-lo, aproveitando uma tentativa de ataque frustrada do inglês sobre o brasileiro na quarta volta, em uma relargada após entrada do Safety Car por um acidente de Romain Grosjean.

A sexta colocação ficou com o russo Daniil Kvyat, da Red Bull, seguido pelo alemão Nico Hulkenberg, com a Force India. Kimi Räikkönen foi o oitavo, com a Ferrari, após ter de fazer três paradas, por ter colocado os pneus intermediários um pouco antes do momento que se mostrou o ideal. Sergio Pérez, companheiro de Hulkenberg, foi o nono, enquanto Fernando Alonso conquistou seu primeiro ponto na temporada, com a McLaren. Marcus Ericsson, Roberto Marhi e Will Stevens completaram a prova

Felipe Nasr não chegou a largar neste Grande Prêmio da Inglaterra. A Sauber do piloto brasileiro apresentou um problema no câmbio ainda na volta de instalação para o início da corrida e a equipe não teve tempo suficiente para reparar o erro. Assim como Nasr, outros seis pilotos abandonaram a disputa: Jenson Button, Romain Grosjean, Pastor Maldonado, Max Verstappen, Daniel Ricciardo e Carlos Sainz.

A próxima etapa da Fórmula 1 acontece em três domingos, no Grande Prêmio da Hungria, em Hungaroring.

Foto: Mercedes



Jornalista com passagens pelas revistas Racing e House Mag.