Maracanã lotado, Brasil campeão: mulheres protagonizaram essa cena no Rio-2007

RIO DE JANIERO, BRAZIL - JULY 26: Marta Silva #10 of Brazil gets past the defense of Kaley Fountain #4 of the U.S. during the first half of the women's Gold Medal match at the 2007 XV Pan American Games at Maracana Stadium July 26, 2007 in Rio de Janeiro, Brazil. (Photo by Jeff Gross/Getty Images)

Imagine um Maracanã lotado, Brasil campeão e hino nacional cantando por toda a torcida. Essa cena você não pode ver na Copa do Mundo de 2014, já que a seleção parou no vexame do 7 a 1 na semifinal. Mas quem acompanha o futebol feminino com certeza se emocionou com esse mesmo roteiro na final dos Jogos Pan-Americanos do Rio de Janeiro, em 2007.

LEIA MAIS
Brasil tem seis jogadoras na seleção das melhores do futebol no Pan

Mais uma vez, coube ao time feminino o papel de representar o Brasil com mais sucesso. O time masculino, que usou uma formação sub-17, sequer chegou às finais.

A medalha de ouro conquistada pelo Equador no Maracanã foi o primeiro título internacional da história do país no futebol. Curiosamente, o segundo viria um ano depois, no mesmo estádio, quando a LDU venceu o Fluminense na final da Libertadores.

O feminino, por sua vez, atropelou sem deixar rastros. 4 a 0 no Uruguai na estreia. 5 a 0 na Jamaica no segundo jogo. 10 a 0 no Equador no terceiro. Despedida da primeira fase com um 7 a 0 no Canadá. Na semifinal, 2 a 0 no México.

Veio a decisão. Transmissão ao vivo nos principais canais de televisão no Brasil, inclusive a Rede Globo. Uma festa montada para as meninas do Brasil diante de um time que não era o principal das norte-americanas. Mas não importava. A garra delas estava presente em campo, coisa que nem sempre foi possível dizer das seleções masculinas.

Com dois gols de Marta, dois de Cristiane e um de Daniela Alves, o Brasil aplicou um 5 a 0 nos EUA e se tornou bicampeão dos Jogos Pan-Americanos. Medalha de ouro no peito e muita emoção no Maracanã.



Editor do Torcedores.com, está no site desde julho de 2014. Repórter e apresentador da TV Torcedores. Formado pela Universidade Metodista de São Paulo, já passou por UOL, Editora Abril e Rede Record. Participou da cobertura da Copa do Mundo de 2014, de dois Pans, dos Jogos Olímpicos de Londres 2012 e do Rio 2016.